Alckmin cresce e Skaf cai, diz pesquisa Datafolha

0

Tucano está com 54%, Skaf tem 16% e Padilha, 4%
Tucano está com 54%, Skaf tem 16% e Padilha, 4%

publicidade

Pesquisa Datafolha divulgada nesta quinta-feira, 17, mostra que o governador Geraldo Alckmin (PSDB) seria reeleito no primeiro turno se a eleição fosse hoje. O tucano lidera o levantamento com 54% das intenções de voto. Em seguida aparece o presidente licenciado da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), Paulo Skaf (PMDB), com 16%, e o ex-ministro da Saúde Alexandre Padilha, com 4%.
Atingiram 1% os candidatos Gilberto Natalini (PV), Laércio Benko (PHS), Wagner Farias (PCB) e Raimundo Sena (PCO). Brancos e nulos somararam 13% e não souberam responder, 10%.

Na comparação com a pesquisa realizada no início de junho, Alckmin cresceu 7 pontos percentuais. Skaf caiu 6 pontos e Padilha manteve o mesmo índice. No entanto, a comparação deve levar em conta que na pesquisa anterior o rol de candidatos não era o mesmo.
A pesquisa foi realizada na terça-feira, 15, e quarta-feira, 16, e ouviu 1.978 pessoas em 55 municípios do estado de São Paulo. A margem de erro é de dois pontos para mais ou para menos.

publicidade

Rejeição
O petista Alexandre Padilha tem a maior rejeição entre os candidatos: 26%. Skaf vem em segundo, com 20%, e Alckmin é rejeitado por 19% dos entrevistados.
O levantamento também mediu a aprovação do governo Geraldo Alckmin. A Folha de S. Paulo só divulgou o índice dos que consideram a gestão boa ou ótima, que é de 46%. A pesquisa foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o protocolo SP-00010/2014.

publicidade
Comentários