Alunos e professores fecham Autonomistas contra Unifieo

Ato foi motivado após a universidade não cumprir com o acordo de pagar os professores na segunda-feira, 5, como havia sido informado

0
Alunos e professores fecham Autonomistas contra Unifieo
Pró-reitor acadêmico, Edmo Alves Menini, conversou com alunos e professores

Alunos e professores do Centro Universitário Fieo (UniFieo) se uniram em protesto contra a reitoria da instituição na terça-feira, 6. O ato foi motivado após a universidade não cumprir com o acordo de pagar os professores na segunda-feira, 5, como havia sido informado.

publicidade

Os manifestantes se reuniram no patio da universidade e seguiram até a avenida dos Autonomistas, uma das principais vias da cidade, que ficou fechada por alguns minutos. eles gritavam frases como “Cadê o salário?”. Os professores estão há três meses sem receber salários, além da primeira parcela do 13º.

Os docentes entraram em greve no dia 8 de novembro e haviam anunciado o fim da paralisação na sexta-feira, 2. Eles voltaram a cruzar os braços na terça-feira, 6, após o não cumprimento dos pagamentos.

publicidade

Com uma dívida estimada em R$ 20 milhões, a instituição busca recursos financeiros através de empréstimo, como alternativa rápida, e uma possível fusão com outra instituição a longo prazo. Segundo o reitor da universidade, Luiz Fernando da Costa e Silva, pelo menos três fundações já demonstraram interesse em uma possível fusão.

A folha de pagamentos da Fieo, incluindo professores e demais funcionários, é de cerca de R$ 3 milhões por mês. De acordo com a reitoria, a inadimplência dos alunos é de R$ 6 milhões só no ano de 2016.

publicidade

O Unifieo tem um patrimônio estimado em R$ 350 milhões, o que garante que não há possibilidade de falência, segundo a reitoria.

Além da inadimplência, a instituição tem créditos do Fies para receber desde o meio do ano, repasse que não tem sido feito pelo governo federal à maioria das instituições do país.

Veja abaixo alguns vídeos da manifestação:

Comentários