Andrea Capriotti vai para prisão domiciliar

0
Andrea se recupera de acidente e estaria sob escolta policial em hospital / Foto: Eudes de Souza/CMO

A Justiça concedeu prisão domiciliar à vereadora osasquense Andrea Capriotti (PEN), que se recupera das sequelas de um acidente de carro. Ela está com prisão preventiva decretada desde o dia 6 e ainda não foi detida por estar internada em um hospital se recuperando.

publicidade

Andrea e mais 13 vereadores de Osasco são acusados pelo Ministério Público estadual de fazerem parte de um suposto esquema de contratações de funcionários fantasmas para ficar com parte dos salários. Eles negam.

11 vereadores presos

Dos 14 vereadores de Osasco suspeitos de envolvimento no suposto esquema, 11 parlamentares estão presos na penitenciária de Tremembé, no interior paulista.

publicidade

O prefeito eleito, Rogério Lins (PTN-Podemos) ainda não foi detido por estar em viagem aos Estados Unidos com a família e deve ser preso assim que voltar ao Brasil, de acordo com o MP.

Karen Gaspar (PTdoB) está foragida e abriu mão do mandato de vereadora. Andrea Capriotti vai para prisão domiciliar quando receber alta.

publicidade

Comentários