Ativistas defendem eventos sem animais em Carapicuíba

Ativistas defendem eventos sem animais em Carapicuíba

0
Compartilhar
Manifestantes foram à Câmara e colhem assinatura contra revogação de lei

Manifestantes foram à Câmara e colhem assinatura contra revogação de lei
Manifestantes foram à Câmara e colhem assinatura contra revogação de lei

William Galvão

Após a revogação da Lei Municipal 2670/06, que proibia a utilização de animais em eventos como rodeios e circos em Carapicuíba, ocorrida na última segunda, 6, na Câmara Municipal, um grupo de ativistas liderado pelo Pelotão Animal vem organizando protestos pelo veto do prefeito Sergio Ribeiro (PT).

Publicidade

O Projeto de Lei (2108-15) é dos vereadores Carlos Japonês (PR), Jefferson Macedo (PRP) e Serginho da Sabesp (PRB) e foi aprovado em Sessão Extraordinária, já que a casa está em recesso até agosto.

A medida gerou protestos de ativistas protetores de animais e da vereadora Professora Sônia (SD), contrária à proposta. “Já existe uma lei estadual que proíbe rodeios em locais urbanos”, disse. “É retroceder, nós estamos no século 21, eu como protetora militante há dez anos sou totalmente contra”.

Publicidade

De acordo com Beatriz Silva, 27, professora e ativista do Pelotão Animal as manifestações têm sido convocadas pela internet. “As meninas estão recolhendo assinaturas no calçadão [de Carapicuíba] para o nosso ato”, explicou.
Também há uma petição contrária ao PL no site change.org. O grupo tem um protesto marcado para este sábado, 18, às 14h, em frente a estação Carapicuíba da CPTM. “Faremos todas as manifestações possíveis e imagináveis para combater esse retrocesso”.

Esse ano, o tradicional rodeio de Carapicuíba acontece de 26 a 30 de agosto e traz shows sertanejos de Rionegro & Solimões, Leonardo, Edson & Hudson, entre outros. “Sou a favor da festa de peão com atrações, comidas, aí sim, e não afeta o poder econômico, ajuda a cidade”, argumentou a vereadora.

Compartilhar

Comentários