Ato cobra fim do fator previdenciário

0
Atos como o de São Paulo (foto) aconteceram em todo o país / Foto: Força Sindical

Atos como o de São Paulo (foto) aconteceram em todo o país / Foto: Força Sindical
Atos como o de São Paulo (foto) aconteceram em todo o país / Foto: Força Sindical

publicidade

Auris Souza

Na manhã de terça-feira, 13, trabalhadores e aposentados da região de Osasco protestaram contra o fator previdenciário. O ato aconteceu em frente à sede da Gerência Regional do INSS em Osasco. A ação fez parte do protesto nacional organizado pelas centrais sindicais em diversas cidades e estados do país.
A manifestação reuniu aposentados e trabalhadores de diversas categorias, como metalúrgicos e marceneiros. Além do fim do fator, que reduz o valor das aposentadorias em até 40%, os manifestantes também reivindicaram a valorização das aposentadorias.

publicidade

Aposentado há 17 anos, Conegundes Ferreira dos Santos Neto dedicou sua juventude ao ramo da construção civil e, quando pensou que ia descansar e colher os frutos de seu esforço, viu seu benefício reduzir a cada ano. “Quando me aposentei recebia três salários mínimos, agora recebo apenas dois”, contou.
Mais reivindicações

Durante o ato, os trabalhadores também criticaram os detectores de metais instalados nas portas da Gerência e pediram melhorias no atendimento dos peritos do INSS. “Temos um problema grave na região: o atendimento dos peritos, que dão alta mesmo com a pessoa doente”, enfatizou o vice-presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de Osasco e Região, Carlos Aparício Clemente.

publicidade

Manifestação nacional
Em São Paulo, a concentração aconteceu em frente ao Sindicato Nacional dos Aposentados da Força Sindical (Sindnapi). De lá, os manifestantes seguiram em passeata até a sede do INSS, no Viaduto Santa Efigênia, no Centro de São Paulo.

40 horas
Na próxima terça-feira, 20, mais atos acontecerão em todo o Brasil. Nesta data, a reivindicação será pela redução da jornada de trabalho para 40 horas, sem redução dos salários.

Comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorHoróscopo
Próximo artigoCâmara adia votação de projeto de Mabel