Início Cidades Carapicuíba Bebê morre no parto e mãe acusa Hospital de Carapicuíba de negligência

Bebê morre no parto e mãe acusa Hospital de Carapicuíba de negligência

1
Edileuza conta que médicos não conseguiam retirar a criança pelo parto normal e só decidiram pela cesariana 19 horas depois, quando foi tarde demais / Foto: reprodução: "Balanço Geral"

Uma mãe cujo bebê morreu durante o trabalho de parto acusa o Hospital Geral de Carapicuíba de negligência. De acordo com ela, após sofrer muito esperando pelo parto normal, a equipe médica só decidiu pela cesariana cerca de 19 horas depois de ela dar entrada na unidade.

publicidade

De acordo com reportagem do “Balanço Geral”, da Record TV (assista aqui), ela teria chegado no hospital às 10h. Às 18h, teriam começado as contrações, mas os médicos não conseguiam acesso ao bebê para retirá-lo da barriga.

“Elas [as enfermeiras] falavam que eu estava com frescura, que eu não colocava força. Passei uma hora num chuveiro quente, abaixava, levantava”, relatou a mãe.

publicidade

A decisão pela cesariana só teria acontecido quase 19 horas depois de ela dar entrada na maternidade, quando os batimentos cardíacos do bebê já estavam fracos. Minutos depois, veio a notícia de que Matheus já havia nascido sem sinal de vida.

Segundo o “Balanço Geral”, o prontuário médico relata que ela deu entrada com perda de liquido e a morte do bebê teria acontecido por conta de uma parada cardiorrespiratória. O hospital afirmou apenas que a decisão sobre a melhor conduta, se parto normal ou cesária, é tomada mediante avaliação de equipe médica responsável.

publicidade

Comentários