Bureau Veritas firma parceria com o SinHoRes – Osasco, Alphaville e Região para certificação Safeguard

0
edson pinto-sinhores osasco
O presidente do SinHoRes, Edson Pinto

O Grupo Bureau Veritas, líder mundial em Teste, Inspeção e Certificação (TIC), firmou uma parceria com o SinHoRes – Sindicato Empresarial de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares de Osasco – Alphaville e Região para facilitar a obtenção das empresas associadas à certificação Safeguard.

publicidade

Os setores de hotelaria e gastronomia foram afetados diretamente pela pandemia e para poderem reabrir precisam adotar procedimentos internos higiênico-sanitários para proteger seus públicos do novo coronavírus. A entidade reúne 20 mil estabelecimentos nas oito cidades da sua base sindical, que terão preços especiais para obtenção do selo. A certificação mostra que foram adotadas as medidas de saúde e segurança necessárias para a reabertura da empresa na região.

“O Bureau Veritas tem quase 200 anos de atuação pautados pela qualidade e agilidade em desenvolver soluções específicas para diferentes setores frente às novas realidades que se apresentam. A pandemia trouxe mudanças para o dia a dia de todos e muitas delas vieram para ficar. Saúde e segurança são a prioridade de pessoas e negócios e o Safeguard certifica que os cuidados necessários estão sendo atendidos”, analisa José Cunha, diretor de Certificação do Bureau Veritas.

publicidade

“A parceria com o Bureau Veritas é mais uma iniciativa do SinHoRes Osasco – Alphaville e Região de apoio a seus associados e ao mercado em geral na oferta de serviços competitivos e de qualidade. O sindicato trabalha incansavelmente para consolidar os setores de turismo, hotelaria e gastronomia nas cidades de sua base, que são de grande relevância para o estado de São Paulo e para o Brasil”, diz Edson Pinto, presidente do SinHoRes.

O Safeguard certifica que foram adotadas as práticas de saúde e segurança nos estabelecimentos. São medidas de distanciamento social, de higiene, limpeza e desinfecção do espaço físico, práticas de manipulação, armazenamento e preparo de alimentos, equipamentos usados por equipes, como luvas e máscaras, e especificações de cozinha para os restaurantes e bares.

publicidade

Para o setor de hotelaria, as medidas incluem check-in e check-out de forma virtual, higienização de malas e áreas comuns, intervalo estendido entre um hóspede e outro nos quartos, além de todo equipamento de segurança utilizado pela equipe, como luvas, máscaras e álcool em gel. Todos os colaboradores dos estabelecimentos precisam estar treinados para desinfecção contínua dos ambientes e utensílios e para se higienizarem após contato com clientes e outros membros da equipe.

Comentários