Campanha cobra Centro de Oncologia em Osasco

1
Abrea, Oncovida e deputado Marcos Martins farão ato na terça-feira, 8, no Centro

Abrea, Oncovida e deputado Marcos Martins farão ato na terça-feira, 8, no Centro
Abrea, Oncovida e deputado Marcos Martins farão ato na terça-feira, 8, no Centro

publicidade

No Dia Mundial de Combate ao Câncer, próxima terça-feira, 8, o deputado estadual Marcos Martins (PT), em parceria com a Associação Brasileira dos Expostos ao Amianto (Abrea) e com o Grupo Oncovida, lança a campanha “Chega de Espera. Eu Quero Um Centro de Tratamento de Câncer em Osasco, Já!”. O evento de lançamento acontece em frente à estação de Osasco da CPTM.

Projeto do estado era previsto para dezembro de 2013

O projeto luta pela instalação do centro de tratamento do câncer em Osasco, que deveria ter sido inaugurado no final do ano passado, como previsto pelo governo estadual. O local onde deve abrigar a unidade fica na Vila Yara, na avenida Benedito Américo de Oliveira, e permanece fechado, apesar de ter sido declarado de utilidade pública.
Segundo Marcos Martins, a luta pelo centro de oncologia vem desde 2009. “A angústia e o sofrimento de quem faz quimioterapia ou radioterapia é muito grande e, para quem mora em nossa região, é maior ainda, pois precisam ir a São Paulo e percorrer longas distâncias para realizarem o tratamento”, disse.

publicidade

O presidente da Abrea, Eliezer de Souza, contou que com apoio do deputado foi entregue um abaixo assinado com mais de 50 mil assinaturas e o governo do estado se comprometeu publicamente em atender ao pedido. “Só que até agora o prédio está vazio e sem sinal de que vá funcionar algo no local em curto prazo”, afirmou.
O Centro de Oncologia deve integrar a Rede Paulista de Combate ao Câncer, que consiste na descentralização do Instituto do Câncer do Estado de São Paulo (Icesp) para outras localidades dentro do estado. Além das consultas, o local terá condições de atender exames diagnósticos e tratamento de quimioterapia e radioterapia.

publicidade
Comentários