Casos de dengue caem 66% em Osasco

0

Mobilização de agentes de saúde é um dos fatores para redução / Foto: Divulgação
Mobilização de agentes de saúde é um dos fatores para redução / Foto: Divulgação

publicidade

Osasco teve uma queda de 66% em 2015 com relação ao ano anterior. De acordo com informações do Departamento de Vigilância Epidemiológica da Prefeitura de Osasco, em 2014 foram confirmados 4.713 casos, enquanto em 2015 esse número caiu para 1.598.
A prefeitura avalia que a queda se deve à adoção de políticas públicas voltadas à prevenção e combate ao mosquito transmissor da doença, o aedes aegypti, que também transmite a febre chikungunya e o zika vírus, entre outras doenças.
Desde setembro de 2015 as equipes da Secretaria de Saúde, Departamento de Vigilância em Saúde e Núcleo de Controle de Zoonoses vêm realizando ações de prevenção, com a aplicação de larvicida nos córregos para evitar a proliferação de insetos.
Além disso, é feita a retirada de objetos que possam servir de recipientes para as larvas e estão sendo depositados constantemente nas margens, dando prioridade aos locais com índices larvários mais elevados, registrados pelos departamentos.
Mobilização
Além da ação contínua de visitas regulares aos bairros por parte dos agentes do Centro de Controle de Zoonoses, também estão sendo desenvolvidas ações ampliadas e intersecretariais que mobilizam a população e servidores para intervenções pontuais em bairros específicos, ressalta a administração municipal.
A mais recente intervenção deste tipo foi realizada em dezembro de 2015 no bairro Jaguaribe onde os agentes buscaram focos dentro de moradias e realizaram nebulização, com aplicação de inseticida nos quintais e no entorno, além de orientação aos moradores e vizinhança.
Ações como essa estão previstas para acontecer em todas as regiões da cidade. Os locais são escolhidos segundo a gravidade dos índices larvários apurados pelas equipes nas visitas de rotina.

publicidade
Comentários