Cissor comemora 20 anos com palestras e homenagem

Cissor comemora 20 anos com palestras e homenagem

0
Compartilhar
O presidente da entidade e o prefeito Emidio de Souza / Foto: Eduardo Metroviche

O presidente da entidade e o prefeito Emidio de Souza / Foto: Eduardo Metroviche
O presidente da entidade e o prefeito Emidio de Souza / Foto: Eduardo Metroviche

O Conselho Intersindical de Saúde e Seguridade Social de Osasco e Região (Cissor) comemorou na quarta-feira, 12, duas décadas de existência com um ciclo de palestras na Associação Comercial e Empresarial de Osasco, na Bela Vista. Autoridades, sindicalistas e trabalhadores de diversas categorias prestigiaram o evento.

Palestras abordaram temas importantes

Publicidade

Criado em 1992, devido ao descontentamento dos sindicalistas da região com a forma com que a saúde do trabalhador era tratada, o Cissor nasceu com o objetivo de defender a saúde e segurança do trabalhador no local de trabalho. Atualmente a entidade é formada por 35 sindicatos de Osasco e Região.
“Chegamos aos 20 anos de atuação em defesa daquilo que é mais importante para nós: a garantia de um local de trabalho saudável, para que a vida do trabalhador seja preservada”, enfatizou o presidente da entidade, José Elias de Gois.

Reabilitação profissional foi um dos temas tratados no encontro. Ele foi abordado por um dos idealizadores do Conselho, Carlos Aparício Clemente, vice-presidente dos Metalúrgicos de Osasco e Região e coordenador do Espaço da Cidadania.
Clemente confrontou os dados da Previdência Social com os do Ministério do Trabalho. A Divisão de Reabilitação do INSS declarou que reabilitou 159.188 trabalhadores entre 2002 e 2011. No entanto, apenas 32.704 trabalhadores reabilitados estavam no mercado formal brasileiro em 2011, segundo o Ministério do Trabalho.
Durante o encontro, também foram abordados os seguintes temas: Educação ambiental: o trabalhador e a responsabilidade social; Longas jornadas de trabalho: efeitos sociais e na saúde do trabalhador; Vigilância em Saúde do Trabalhador: conceitos, organização, experiências que deram certo; Benzeno: uma questão de saúde pública.

Publicidade

Lançamento de livro
Também foi lançado o livro Eternit e o Grande Julgamento do Amianto. A obra aborda a condenação a 16 anos de prisão dos ex-proprietários da Eternit, o barão belga Louis de Cartier de Marchienne e o magnata suíço Stephan Schmidheiny, pela Justiça de Turim, na Itália.
Este é o maior processo criminal por danos a trabalhadores e ao meio ambiente. O processo diz respeito à morte de 2.500 trabalhadores, vítimas do cancerígeno amianto.

Prefeito de Osasco e Gelso de Lima são homenageados pelo Conselho

O prefeito de Osasco, Emidio de Souza (PT), e o ex-secretário de saúde, Gelso de Lima, foram homenageados no evento por terem contribuído com ações em prol da saúde e segurança dos trabalhadores da cidade, inclusive com a implantação do Centro de Referência à Saúde do Trabalhador de Osasco (Cerest).
Os dois receberam uma placa comemorativa em razão do apoio dado à luta individual e ao desenvolvimento das ações de saúde do trabalhador.

Compartilhar

Comentários