Consórcio de municípios volta a se reunir

0
Prefeito de Carapicuíba será primeiro presidente da entidade / Foto: Eduardo Metroviche

Prefeito de Carapicuíba será primeiro presidente da entidade / Foto: Eduardo Metroviche
Prefeito de Carapicuíba será primeiro presidente da entidade / Foto: Eduardo Metroviche

publicidade

Na terça-feira, 10, foi realizado em Carapicuíba mais um encontro de prefeitos do Consórcio Intermunicipal da Região Oeste. O evento definiu que o prefeito Sergio Ribeiro (PT) será o primeiro presidente da entidade, que reunirá sete municípios da região. Cada prefeito será presidente por um ano.

Sede será em Barueri

Também ficou estabelecido que a sede do consórcio será em Barueri e que a contribuição de cada cidade será de acordo com a sua receita corrente líquida, ou seja, os mais ricos vão entrar com uma parte maior no rateio.
O consórcio, anunciado em maio, ainda precisa ser viabilizado juridicamente para que possa existir de maneira formal e, com isso, poder receber verbas e fazer reivindicações junto aos governos estadual e federal. Na terça-feira ficou estabelecido o prazo de 15 dias para que o projeto seja enviado a cada Câmara Municipal.

publicidade

“A expectativa é que em um mês as aprovações nas Câmaras estejam concluídas, mas depende muito de cada Legislativo”, diz o prefeito de Carapicuíba, Sergio Ribeiro.
A próxima reunião dos prefeitos será em Santana de Parnaíba e os principais temas devem ser mobilidade urbana, gestão ambiental e educação. Um dos objetivos é pressionar o governo do estado pela integração ônibus-trem.

Fórum de Desenvolvimento “complementará” entidade

Sindicalistas e representantes do poder público se reuniram para debater criação do Fórum / Foto: Leandro Conceição
Sindicalistas e representantes do poder público se reuniram para debater criação do Fórum / Foto: Leandro Conceição

publicidade

Em reunião em Osasco na manhã da quarta-feira, 11, sindicalistas, empresários e representes de Prefeituras da região debateram a criação de um Fórum Regional de Desenvolvimento. O órgão vai reunir também representantes de organizações, associações, igrejas etc., para ajudar a traçar diretrizes para o crescimento da região.

Para os idealizadores, a criação do Fórum Regional se dá em “momento propício”, devido à recente criação do Consórcio Intermunicipal da Região Oeste, que reúne sete cidades. “O Fórum não corre paralelo [ao Consórcio], ele complementa”, avalia a secretária de Desenvolvimento, Trabalho e Inclusão de Osasco, Mônica Veloso.

“O Consórcio, o Fórum, vão olhar para as capacidades econômicas de toda a região, Hoje, cada município capitaliza suas potencialidades de um jeito. O esforço vai ser para que essas potencialidades sejam exploradas de forma regional”, completou.
O empresário Sergio Marchesi, do Centro das Indústrias do Estado de São Paulo (Ciesp) destacou a importância da participação de segmentos variados no Fórum: “Temos de nos unir, unir a sociedade. Isso beneficia a todos”.

Na terça-feira o prefeito de Carapicuíba, que será o primeiro presidente do consórcio de municípios, falou sobre a iniciativa dos sindicatos. “O conselho de desenvolvimento vai colocar povo nessa discussão, através de suas entidades representativas. Vamos pegar as demandas apresentadas para traduzir isso em projetos factíveis”, disse Sergio Ribeiro (PT).
O prefeito de Osasco Jorge Lapas (PT) disse que o fórum “une o poder público com a sociedade civil, que vai trazer as demandas para o consórcio”.

Comentários