Início Cidades Convidados levam guardanapos da festa e noivos pedem itens de volta: “são...

Convidados levam guardanapos da festa e noivos pedem itens de volta: “são alugados!”

0
noivos guardanapos
O casal teve um susto ao descobrir que os guardanapos alugados sumiram da festa / Fotos: Reprodução/Acervo Pessoal

José Igor Mulatinho e Danielle de Fátima Santos casaram-se neste sábado (23), e tiveram uma surpresa ao descobrirem que alguns guardanapos, que haviam sido alugados para a festa, sumiram.

publicidade

A história inusitada, que ocorreu em Natal, repercutiu nas redes sociais logo após o noivo pedir para que os convidados devolvessem os itens. “Se você veio no meu casamento ontem e levou o guardanapo verde de tecido, me devolva por favor [risos] são alugados”, escreveu o publicitário José Igor, no Twitter.

A publicação viralizou e tem quase 200 mil curtidas até esta segunda-feira. Além do apelo nas redes sociais, o noivo enviou menagens nos grupos de WhatsApp aos convidados que estavam presentes no casamento. “Minha esposa ficou desesperada, porque cada um custa R$ 25 e não contávamos com esse gasto para repô-los”, disse o noivo ao “Uol”.

publicidade

O casal fazia planos de se casar em 2020, mas a pandemia de covid-19 adiou os planos. Com a festa remarcada para este ano, além de reduzir a lista de convidados de 120 para 60 pessoas, os noivos optaram por alugar alguns itens como uma forma de economia.

publicidade

Os guardanapos estavam entre os artigos alugados e os noivos pagaram cerca de R$ 3 em cada. Caso não devolvessem, teriam de pagar R$ 25 por item. O que não esperavam é que, após o casamento, a organização do evento notaria a falta de 19 guardanapos. Foi aí que começou o desespero do casal.

“Tem um guardanapo comigo! Me desculpa”, diz convidado

Felizmente, os recém-casados conseguiram descobrir o paradeiro de alguns itens. “Amigo, tem um guardanapo comigo! ME DESCULPA”, disse um convidado via WhatsApp. “Amigo, bom dia! Nas agonias para ver como levar docinho, levei o guardanapo verde. Desculpa [risos]. Como faz para devolver e não ter prejuízo?”, escreveu outro.

Igor disse, também no Twitter, que dos 19 guardanapos que sumiram, “sete ainda não encontraram o caminho de casa”, mas que o restante foi recuperado, o que minimizou o prejuízo do casal.

Os noivos não imaginavam a repercussão que o desespero pelos guardanapos iria gerar nas redes sociais. Internautas se solidarizaram e ainda se identificaram com a história, compartilhando experiências inusitadas e parecidas. “No meu casamento carregaram os vasos com as flores das mesas”, contou um. “Pessoal no meu casamento queria levar os copos, eu tive que impedir!”, escreveu outro internauta.

“No meu casamento, fiz festa para 300 convidados. Eu não conhecia a metade! Minha mãe convidou até primos de 3 grau, dela! Tirei o sapato para dançar… Acredita que roubaram meu sapato? Fui para o hotel descalça”, escreveu uma mulher.

Comentários