Compartilhar

O Sindicato dos Ferroviários de São Paulo ameaça greve no dia 11 de abril caso a CPTM não pague o Programa de Participação nos Resultados (PPR), que de acordo com a entidade deveria ter sido pago no fim de março.

“CPTM não paga o PPR de 2016, como foi acordado com o sindicato. Os ferroviários estão em estado de greve e definiram a paralisação a partir da zero hora do dia 11”, informou o Sindicato dos Ferroviários.

Nova assembleia de trabalhadores sobre a mobilização deve ser realizada no dia 10.

Comentários

Faça seu comentário