Dicas para conservar o pneu do carro

0

Confira dicas sobre como verificar os sinais de desgaste e como buscar maneiras para prolongar a vida útil e o controle de pneus, evitando gastos desnecessários com seu veículo, além de riscos à segurança.

publicidade

7-Lateral (Custom)

Calibragem: a verificação de segurança precisa ser realizada uma vez por semana, pelo menos, e com o carro desligado (pneus frios). Outro item que precisa de atenção e – é quase sempre esquecido – é calibrar também o estepe. Não exceda a pressão recomendada, porque a sobrecarga também poderá trazer problemas aos pneus.

publicidade

Evite o excesso de carga: o veículo precisa circular com a quantidade de peso dentro dos limites que o fabricante sugere, seja carro de passeio, frota ou caminhão. O excesso de peso é prejudicial não só para o jogo de pneus, mas também para outros componentes do automóvel.

Compre pneus de qualidade: não pense que comprar pneus com preço inferior, remanufaturados ou de segunda linha é o melhor para seu carro. Pelo contrário, muitas vezes o barato pode sair caro. Adquira pneus que tenham o selo do Inmetro.

publicidade

Faça o rodízio dos pneus a cada 5 mil quilômetros. Essa medida será eficiente para compensar a disparidade dos desgastes entre os pneus do carro e também para diminuir o consumo de combustível. Se for viajar, inspecione os pneus antes.

De acordo com o portal Hiper Varejo, pesquisas apontam que 75% dos motoristas não se preocupam com a calibragem dos pneus e 25% não seguem as recomendações do fabricante. Pneu murcho se desgasta mais rapidamente, deixa o carro propenso a derrapagens e aumenta o consumo de combustível em até 5%.

Comentários