Início Opinião Editorial: Discurso de ódio

Editorial: Discurso de ódio

0
São Paulo - Diversas pessoas fazem uma vigília na Avenida Paulista em homenagem aos mortos no massacre da boate Pulse, em Orlando, nos Estados Unidos (Elaine Patricia Cruz/Agência Brasil)

Casos como o de Orlando, na Flórida, em 12 de junho, quando 49 pessoas foram mortas em uma boate voltada ao público LGBT deveriam despertar a sociedade para os efeitos de discursos de ódio e homofóbicos. Pela ascendência islâmica do assassino, grande parte da opinião pública se apressou em classificar a tragédia como mais um ato de terrorismo, mesmo com o assassino nascido e criado nos EUA. Este é apenas um subterfúgio para que não se discutam problemas tão sérios como a propagação diária de discursos de ódio.

publicidade

Se a pregação de uma minoria dos religiosos islâmicos é abominável, uma parte também minoritária de líderes cristãos também tem contribuído para disseminar o desrespeito à comunidade LGBT. Um pastor batista da Califórnia chegou a dizer, para indignação de muita gente, que Orlando estaria mais segura após o massacre, já que, para ele, gays são potenciais pedófilos.

Nos EUA, o problema é agravado pela facilidade com que se adquirem armas, inclusive fuzis com grande potencial para matar. Mas, no Brasil, também devemos ficar atentos e combater dia a dia tais discursos. Os dados sobre crimes homofóbicos por aqui são alarmantes, e muitas vezes não aparecem pela dificuldade (ou falta de vontade) que as autoridades têm de diferenciar esses casos de crimes comuns.

publicidade

Somente devido à repercussão do caso de Orlando apareceu na mídia o assassinato de dois professores na cidade de Santaluz, provavelmente por motivação homofóbica. A população do local, que fica a 260 km de Salvador, saiu às ruas para protestar. De acordo com o Grupo Gay da Bahia, que faz levantamentos anuais sobre crimes homofóbicos, foram pelo menos 318 assassinatos por esse motivo em 2015 no Brasil, o equivalente a seis massacres da Pulse.

publicidade

Comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorPiloto de Osasco conquista 3ª vitória seguida
Próximo artigoCharge da Semana