#ÉFake! Rogério Lins desmente boato de galpão para armazenamento de corpos e pede que notícias falsas não sejam compartilhadas

0
fake news coronavírus rogério lins
O prefeito de Osasco, Rogério Lins

Mais uma notícia falsa em meio à pandemia do novo coronavírus que tem se espalhado nas redes sociais diz que a Prefeitura de Cotia, estaria preparando um galpão para armazenamento de corpos de vítimas da covid-19. Trata-se de uma das várias fake news relacionadas à doença que tem circulado.

O prefeito de Osasco, Rogério Lins, reforçou, nesta terça-feira (7), o pedido para que as pessoas evitem compartilhar notícias que não sejam das autoridades oficiais ou que não sejam de fontes confiáveis, para não causar pânico na população, o que pode atrapalhar o combate à pandemia e gerar outros males, como síndrome do pânico.

+ #ÉFake! Osasquense pede que parem de compartilhar vídeo de seu pai falecido, que não foi vítima do coronavírus

“Quero pedir muito encarecidamente: por favor, gente, não compartilhem fake news! Tem muitas pessoas que têm síndrome do pânico, crise de ansiedade, entre outros malefícios. Uma informação falsa, quando propagada, aumenta o temor das pessoas e traz muitos problemas para elas”, declarou, em transmissão de vídeo ao vivo nas redes sociais.

Publicidade

“Estão viralizando agora, inclusive, um áudio afirmando que a Prefeitura estaria contratando um galpão para fazer o armazenamento de corpos. Isso seria numa cidade vizinha, em Cotia, para que [a gravidade da pandemia] não ficasse às claras. Gente… A gente (os prefeitos) está fazendo transmissões diárias, ao vivo, trazendo boletins informativos. Jamais a gente faria isso”, emendou o prefeito de Osasco.

“Então, por favor, quando receber algum áudio, com alguma fake news, alguma informação que não seja possível identificar a veracidade dessa informação. Por favor, não compartilhe”, completou Rogério Lins.

Osasco tem confirmação de 59 casos e 6 mortes por covid-19

Osasco registrou, até esta terça-feira (7), a confirmação de 59 casos, dos quais 27 pacientes já recuperados, e seis mortes por covid-19. outros 22 óbitos estão em investigação e 3 outros óbitos foram descartados.

Além disso, foram notificados 1706 casos. Destes, 462 casos não pertencem ao município. Estão em análise 906 casos. Foram descartados 248 casos por critério laboratorial.

coronavírus osasco
Reprodução

Comentários