Início Política Elvis promete 300 mil vagas de emprego no 1º dia de mandato

Elvis promete 300 mil vagas de emprego no 1º dia de mandato

0
elvis cezar
Elvis Cezar em entrevista ao Visão Oeste / Foto: Visão Oeste

O pré-candidato ao governo de São Paulo, Elvis Cezar (PDT), em entrevista exclusiva durante visita à redação do Visão Oeste, afirmou que, se eleito, vai abrir logo no primeiro dia de mandato, 300 mil novas vagas de emprego no estado, 200 mil na Frente de Trabalho e outras 100 mil para estagiários. “Serão 300 mil famílias já inseridas em um primeiro momento”, revelou.

publicidade

“As médias, micro e pequenas empresas é que têm de movimentar a economia, contratar um estagiário, mas para isso precisam de crédito e o Estado tem caixa para isso”, enfatizou ao explicar que pretende ter um governo voltado à empregabilidade. Segundo Cezar, emprego é o problema mais urgente no estado de São Paulo.

A tendência do governo pedetista voltado ao trabalho, segundo Cezar, poderá ser vista também na área da Educação. Ele pretende oferecer o ensino médio em tempo integral, ampliar a oferta de ensino técnico com o aumento das vagas nas Etecs e Fatecs, além de ensino fundamental de excelência em matemática e português.

publicidade

Também está no plano a ampliação do acesso à universidade. A meta é conceder acesso à Univesp (Universidade Virtual do Estado de São Paulo) para 1 milhão de alunos.

Cracolândia

Uma das propostas mais convictas do pré-candidato é com relação à região conhecida como Cracolândia, no Centro da capital paulista, tomada por dependentes químicos. Para Cezar, a Cracolândia não é um problema de segurança, mas sim de saúde pública. “São pessoas doentes. E são resultado da ausência completa de atitude das autoridades”, avaliou.

publicidade

A solução, segundo ele, seria um plano implantado em etapas. A primeira etapa será a contratação de 100 mil estagiários da área de assistência social. “Esse seria o primeiro pilar. Levar alimento, itens de higiene pessoal… Começar a fazer cadastros e criar um relacionamento, que é vital para a vida”, explica.

A segunda etapa é classificada pelo pré-candidato como o pilar da saúde. Essa etapa envolveria os profissionais de saúde como enfermeiras, técnicos de enfermagem, entre outros, para a implantação de um plano de saúde da pessoa em situação de rua, com ambulatórios móveis que também seriam locais para trabalho de estagiários da saúde.

O pilar seguinte seria o chamamento público das vagas em clínicas de recuperação de dependentes. De acordo com Elvis Cezar, seriam utilizadas as vagas ociosas nas clínicas particulares pelo Estado. A internação de cada paciente não será compulsória.

Finalmente, seria executado o pilar econômico do plano, que é a reinserção do ex-dependente no mercado de trabalho. Cada empresa que contratar um egresso do projeto ganha um bônus de pedágio e dos encargos trabalhistas.

Elvis Cezar defende a contratação de mais policiais

O projeto inicial para a segurança pública de Elvis Cezar será a contratação de mais policiais, tanto militares como civis, e investimento nas guardas municipais, com repasse de verbas para compra de armamentos, equipamentos e treinamento.

Ao ser questionado sobre as câmeras instaladas nos uniformes de policiais militares, Cezar disse que, embora não seja contra o equipamento, vai estudar alguma nova tecnologia para que a iniciativa não desestimule o trabalho do policial.

Pedágios

O candidato vem anunciando que pretende fazer uma auditoria nos pedágios pelo Estado. Segundo ele, os valores praticados atualmente são travas para o desenvolvimento do Estado. “Vamos examinar cada contrato. Se tiver segurança jurídica, se tiver certo equilíbrio econômico-financeiro, abaixa o valor da tarifa”, explicou.

Comentários