Em busca da 1ª vitória, Grêmio Osasco Audax encara Ponte Preta

0
Clube de Osasco vai bem no estadual / Foto: Ricardo-Saibun/Santos FC/divulgação

Clube deixou a vitória sobre o Peixe escapar no fim / Foto: Ricardo Saibun/divulgação/SantosFC
Clube deixou a vitória sobre o Peixe escapar no fim / Foto: Ricardo Saibun/divulgação/SantosFC

publicidade

Após dois empates, o último com o Santos, em 1 a 1, na terça-feira, o Grêmio Osasco Audax vai a Campinas encarar a Ponte Preta em busca de sua primeira vitória no Campeonato Paulista. O duelo contra a Macaca será neste sábado, 25, às 19h30, no estádio Moisés Lucarelli.

Em sua primeira vez na elite estadual, o Audax vem fazendo bonito. Contra o Santos, o clube foi superior e ficou muito perto da vitória.
Com uma formação ofensiva, baseada no hoje pouco utilizado 3-4-3, a equipe foi pra cima do Peixe e chegou ao gol aos 13 minutos do primeiro tempo, com o atacante Caion. O time ainda criou diversas chances de ampliar o placar, mas viu a vitória escapar com um gol do Alvinegro marcado por Jubal após uma cobrança de escanteio aos 43 da etapa final.

Na terça, time jogou melhor que o Santos 

publicidade

Os jogadores do Peixe reconheceram o bom desempenho do Audax: “O empate saiu bom para nós, pelo que apresentou o Audax”, disse Geuvânio. Para Jubal, “o empate está de bom tamanho. Pelo jogo que foi, apertado, teve gosto de vitória”. Francis, do Audax, lamentou: “Não podemos perder tantas oportunidades de gol, principalmente contra uma equipe como o Santos”.
Por outro lado, na estreia do time osasquense na competição, sábado, 18, quem sentiu o sabor de vitória com um empate foi o Audax. Em Jundiaí, o clube segurou o 0 a 0 com o Paulista mesmo com um a menos na maior parte do jogo, já que o zagueiro João Paulo foi expulso no fim do primeiro tempo.

Se o técnico Fernando Diniz repetir a escalação inicial da última partida, o Grêmio Osasco Audax vai a campo com: Felipe Alves; André Castro, Francis, Didi; Camacho, Velica, Tchê Tchê, Nadson; Rafinha, Nenê Bonilha e Caion.

Estádio foi barrado no 1º jogo do Audax em casa e teve de passar por ajustes / Foto: Luís Pires/finePhoto
Estádio foi barrado no 1º jogo do Audax em casa e teve de passar por ajustes / Foto: Luís Pires/finePhoto

publicidade

Rochdalão deve receber confronto contra a Portuguesa, no dia 2

A diretoria do Grêmio Osasco Audax espera que o estádio do Rochdale seja liberado pela Federação Paulista de Futebol (FPF) para o próximo jogo do clube como mandante no Paulistão, contra a Portuguesa, dia 2 de fevereiro, às 10h.
O campo foi barrado da primeira vez do Audax como mandante no estadual, contra o Santos, por “pequenos detalhes”, segundo o prefeito de Osasco, Jorge Lapas. “Tivemos um problema com detalhes, como um corrimão, que precisava estar 10 centímetros mais alto”, explica.
Segundo ele, os problemas já foram resolvidos e o Rochdalão “está em perfeitas condições para receber qualquer time”.
Até a tarde desta quinta-feira, 23, os jogos do Grêmio Osasco Audax como mandante continuavam agendados no site da FPF para estádios da Capital, a maioria para o campo do Nacional.

Paulistão – 3ª rodada
Sábado, 25
Ponte Preta x Grêmio Osasco Audax (19h30)
Corinthians x São Bernardo (21h)
Domingo
São Paulo x Oeste (17h)
Sorocaba x Palmeiras (17h)
Ituano x Santos (19h30)

Zé Augusto, técnico do GEO / Foto: Luís Pires/finePhoto
Zé Augusto, técnico do GEO / Foto: Luís Pires/finePhoto

Barueri e Osasco estreiam na Série A2

A Série A2 do Paulistão começa neste fim de semana. No sábado, 25, às 18h30, o Grêmio Barueri recebe a Barbarense, na Arena. O Grêmio Osasco recebe o Catanduvense domingo, às 10h, no Rochdalão, com transmissão da Rede TV!.

 

Comentários