Em Osasco, Centro de Apoio Coach vai oferecer orientação e apoio profissional para jovens gratuitamente

1
A ação, inédita na região, é realizada por meio de uma parceria entre o Fundo Social de Solidariedade, presidido pela primeira dama, Aline Lins, e o Centro de Apoio Coach Young / Foto: Ana Paula Andrade

Acolher os adolescentes e suas famílias e capacitá-los para melhorar o relacionamento, promovendo uma comunicação eficaz para atingir metas do projeto de vida, através do domínio da inteligência emocional.

publicidade

Esse é o objetivo da parceria firmada entre o Fundo Social de Solidariedade de Osasco, presidido pela primeira-dama Aline Lins, e o Centro de Apoio Coach Young. O projeto inovador, na região, foi lançado na quinta-feira, 9, no Auditório do Fundo Social de Solidariedade.

“Acredito que este trabalho irá beneficiar muitas famílias e jovens que necessitam de orientação e apoio profissional. Teremos grupos de apoio para discutir temas como finanças, relacionamentos, vida conjugal, bem-estar, motivação, empoderamento feminino, autoestima, empreendedorismo, entre outros, e colocaremos em prática ações efetivas”, explicou a primeira-dama.

publicidade

O Centro de Apoio, cujo lema é “Me ajude, que eu te ajudo”, acontecerá duas vezes por mês, às quintas-feiras no auditório do Fundo Social de Solidariedade, a partir das 19 horas. O início do projeto está previsto para o dia 16 de novembro.

O trabalho do Centro de Apoio Coach Young incluirá palestras com coaches especializados nos temas abordados, visando atender as necessidades específicas das famílias e assim guiar os jovens na adolescência.

publicidade

Durante o evento, as representantes do Coach Young, Luciana Lima e Adriana Oliveira, apresentaram a equipe e falaram sobre a importância da ação.

“Iniciamos esse programa graças a sensibilidade da presidente do Fundo Social, Aline Lins, que reconhece a importância do apoio aos jovens e suas famílias, visando a conscientização e melhor relação familiar, profissional e pessoal”, afirmou Luciana.

Os interessados em participar das palestras poderão contribuir com um quilo de alimento não perecível, que será destinado ao Fundo Social de Solidariedade.

Comentários