Enfermeira fazia empréstimos em nome de pacientes que cuidava na UTI

Ao pedir delivery com dados de uma idosa que cuidou na UTI, a profissional acabou surpreendida pela polícia e presa em flagrante

0
enfermeira compras pacientes
Profissional foi surpreendida pela polícia e acabou presa em flagrante após pedir delivery com dados de idosa de 83 anos que cuidou em unidade de saúde / Foto: reprodução

Uma enfermeira de 35 anos foi presa após utilizar o nome de pacientes que cuidava na UTI para fazer empréstimos e compras. Os crimes aconteceram em Icó, no Ceará. Ela foi detida em flagrante no momento em que aplicava novo golpe e vai responder por estelionato.

publicidade

A polícia começou a investigar o caso após denúncia de uma paciente que havia ficado na UTI onde a profissional trabalhava. “Uma paciente que ficou na UTI com suspeita de covid-19 nos procurou. Ela achou estranho um empréstimo consignado de R$ 3,6 mil que apareceu na conta dela justamente na época que estava internada”, disse o o delegado Glauber Ferreira, ao Uol.

Nas investigações, os policiais descobriram que a enfermeira havia utilizado documentos da vítima para fazer a operação pela internet, inclusive tirando fotos da documentação solicitada pelas instituições.

publicidade

Outra vítima da profissional foi uma idosa de 83 anos. A enfermeira fez compras em uma farmácia usando os documentos dela e, ao pedir delivery, acabou surpreendida pela polícia e presa em flagrante. “Nós realizamos a diligência e conseguimos prendê-la em flagrante no momento em que recebeu os produtos”, disse o delegado. (Com informações do Uol)

publicidade

Comentários