Escolas municipais de Osasco ultrapassam meta no Ideb

Escolas municipais de Osasco ultrapassam meta no Ideb

0
Compartilhar

A maioria das cidades da região tiveram razoável melhora nos dois ciclos do ensino fundamental, apesar de poucas metas terem sido atingidas, de acordo com o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) de 2015, divulgado na quinta-feira 8, pelo Ministério da Educação (MEC). Calculado a cada dois anos, o Ideb avalia português e matemática pela Prova Brasil, além de indicadores de fluxo escolar.

Em Osasco, as escolas municipais ultrapassaram a meta no primeiro ciclo do ensino fundamental, que compreende a antiga quarta série, atualmente quinto ano, com nota 5.9. A meta era 5.8. “Essa conquista é fruto do trabalho dos professores e todos os profissionais da educação que levam à frente projetos diferenciados e são motivo de orgulho para nossa gestão”, afirmou o prefeito Jorge Lapas (PDT).

No segundo ciclo, que corresponde a antiga oitava série, atual nono ano, a cidade permanece com a mesma nota de 2013, com 4.3 pontos, sem bater a meta de 5.

Publicidade

No âmbito das escolas estaduais, o segundo ciclo também obteve pontuação de 4.3, enquanto a meta é 5. Não há dados do primeiro ciclo das escolas mantidas pelo estado. A justificativa: “Sem média na Prova Brasil 2015: não participou ou não atendeu os requisitos necessários para ter o desempenho calculado”.

Barueri também alcançou a meta projetada para 2015 no quinto ano das escolas municipais de 5.8, obtendo pontuação de 6.3, a melhor nota entre as cidades da região. No nono ano, a nota subiu para 5.2, se relacionada com 2013 que era 4.7, mas não atingiu a meta de 5.4. O MEC não divulgou dados do ensino estadual do município.

Publicidade

Também acima da meta do primeiro ciclo do ensino fundamental das escolas mantidas pelo estado, Carapicuíba pontuou 6.1 em 2015, ano cuja meta projetada era de 5.9. No segundo ciclo, a cidade obteve media de 4.5, abaixo da meta de 5.2. No ensino municipal, o quinto ano ficou com 5.5 pontos, nota inferior à meta de 5.7. Não há dados para o nono ano.

Em Cotia, o quinto ano superou os 5.8 pontos projetados, saltando para 6.3 no ensino estadual. Já o nono ano ficou abaixo da meta, com 4.6.

As escolas estaduais em todo o estado de São Paulo ficaram com nota 6.4 no quinto ano, acima da média, e 4.7 no nono ano, abaixo do esperado.

Compartilhar

Comentários