Feliciano é expulso do partido de Rogério Lins e Renata Abreu

0
feliciano expulso

O Podemos, partido do prefeito de Osasco, Rogério Lins, e da deputada federal Renata Abreu (SP), confirmou, nesta segunda-feira (6), a expulsão do deputado federal Marco Feliciano (SP) da legenda.

A decisão decorre do apoio de Feliciano à eleição do presidente Jair Bolsonaro (PSL), nas eleições de 2018, enquanto o Podemos tinha como candidato o senador Alvaro Dias (PR) no primeiro turno e optou pela independência no segundo turno. A postura do parlamentar foi considerada “infidelidade partidária”.

Nas redes sociais, Feliciano disse que a expulsão é “motivo de orgulho”, e que seguirá apoiando Bolsonaro. “É motivo de orgulho ser expulso do Podemos por defender o presidente Bolsonaro, que está mudando o país para melhor”, declarou.

Publicidade

Alvaro Dias líder do Podemos no Senado comentou a decisão de expulsar o parlamentar pelo apoio ao presidente: “O partido está longe do bolsonarismo há muito tempo. Aliás, nunca estivemos perto. Nossa independência foi proclamada desde o primeiro momento”, declarou, segundo O Antagonista.

Comentários