Festa Julina tem shows de Belo e Thiaguinho

0

11---belo-festa-julinaA 34ª edição da já tradicional Festa Julina de Jandira acontece até o dia 27 deste mês e tem programação de shows com grandes nomes do pagode ao custo simbólico de R$ 5. Entre as atrações desse ano estão o cantor Belo, Thiaguinho, Turma do Pagode, Art Popular, Sampa Crew, Katinguelê, Mc Ludmilla, além de músicos e grupos de Jandira selecionados pelo Conselho Municipal de Cultura

publicidade

Entradas custam R$ 5

Nesta sexta-feira, 11, quem sobe ao palco do Centro de Eventos é o cantor Belo, que traz a turnê de seu último trabalho, Tudo Novo, lançado em 2013. Além das novas canções, seu repertório inclui músicas de sucesso como “Tua Boca”, “Eternamente”, “Quem Será?” e, dentre outras, “Luz das Estrelas”.

11---thiaguinho-festa-julinNo sábado, 12, é a vez de Thiaguinho. O músico lançou nesse primeiro semestre de 2014 o disco Outro Dia, Outra História, seu quarto trabalho em carreira solo. Em seu show, o ex-integrante do Exaltasamba toca hits como “Ousadia e Alegria”, “Buquê de Flores” e o novo single “Caraca, Muleke”.

publicidade

Já no domingo, 13, o público pode conferir os jandirenses Airon Pitbull, Vaqueiros D´oeste e Tetê e os Perdigueiros.
Até o final do evento, também passam pela festa Vitor Valle, Leandro Raspante, Projeto Gonzagueando, Na Hora H, Anna Meirelles, Ruan Carlos e Raissa Silveira.
Além dos shows, a Festa Julina inclui um parque de diversões e barracas com comidas e bebidas típicas.

34ª Festa Julina de Jandira

publicidade

Até 27 de julho
Centro de Eventos: Rua Elton Silva, s/n.
Entrada: R$ 5
Programação:
11/07 – Belo
12/07- Thiaguinho
13/07 – Airon Pitbull, Vaqueiros D’Oeste, Tetê e os Perdigueiros
18/07 – Turma do Pagode
19/07 – Art Popular/MC Ludmilla
20/07 – Anna Meirelles, Ruan Carlos, Raissa Silveira
25/07 – Katinguelê
26/07 – Sampa Crew/Na Hora H
27/07 – Vitor Valle, Leandro Raspante, Projeto Gonzagueando

Comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorAgenda Cultural
Próximo artigoA Marca do Medo leva o terror aos anos 70