Funkeiro osasquense MC Guimê é detido em SP

Funkeiro osasquense MC Guimê é detido em SP

0
Compartilhar
Foto: reprodução/Instagram

O funkeiro osasquense MC Guimê, que hoje mora em Alphaville, foi detido por policiais nesta sexta-feira (15), na região da Penha, zona Leste de São Paulo. Ele assinou um termo circunstanciado por porte de drogas, segundo informações do jornal “Metro”.

Guimê é usuário assumido de maconha. “Fumo meu baseadinho, não falho com meus compromissos e não atraso o lado de ninguém. Acho que não tem nada errado nisso”, disse, à Folha de S. Paulo, em 2014.

Não é a primeira vez que Guimê é detido por porte de drogas. Ele já havia tido o mesmo problema em 2016, na cidade de Nova Lima, em Belo Horizonte, quando foi detido por policiais com cerca de 400 gramas de maconha.

Lexa vai à delegacia em Barueri prestar queixa após levar golpe de trio elétrico

Publicidade

A cantora Lexa esteve no 2º DP de Barueri na tarde de quarta-feira (13) prestar queixa contra o golpe que diz ter levado de um trio elétrico em que cantaria no domingo (10), no fim do Carnaval de São Paulo. Ela e o marido, o funkeiro osasquense MC Guimê, moram em Alphaville.

A cantora teria pago R$ 22 mil, mas o trio elétrico onde ela se apresentaria não apareceu. “Pagamos o trio em dinheiro por meio de depósito bancário na conta que nos foi indicada pelo Sebah Vieira, como comprovam as mensagens enviadas por ele. Lexa pagou tudo em dinheiro. Sebah não apareceu com o trio e nem com o dinheiro de volta. Queremos uma retratação e o dinheiro de volta. Ela fez o boletim de ocorrência e agora a justiça seguirá”, explicou Darlin, mãe de Lexa à revista Quem.

Publicidade

Após o golpe, Lexa desabafou nas redes sociais: “Estou aqui me arrumando. Na verdade, esta é a terceira maquiagem que eu faço, de tanto que já chorei e me senti prejudicada, hoje. Trabalhei muito para pagar esse trio e a pessoa responsável sumiu com o meu dinheiro e sumiu com o trio”, afirmou a cantora no dia do ocorrido.

Ela acabou “socorrida” por Preta Gil que a convidou para cantar junto com ela em um trio. “A Preta Gil me ligou e falou: ‘Lexa, vem para cá agora, traga seus convidados’. Ela viu o meu desespero, porque eu estou atrás de qualquer trio”.

“Com esse ato de generosidade, estou indo para o trio da Preta Gil, porque ela foi uma querida. Me mandou mensagem, todo mundo já está sabendo do que aconteceu. Ela se propôs a me ajudar”, explicou.

Compartilhar


Comentários