Leandro Conceição

publicidade

O prefeito eleito de Barueri, Rubens Furlan (PSDB), prometeu “diminuir ou zerar” a fila de pacientes à espera de cirurgia no município, que hoje está em cerca de 1.500, segundo ele. Para isso, afirma que vai colocar o Hospital Municipal para funcionar em período integral e com 100% da capacidade, declarou. Além disso, Furlan afirmou que vai implantar tratamento por radioterapia e quimioterapia a pacientes com câncer no município.

“O hospital, em menos de 60 dias, estará funcionando 100%, com os 304 leitos, 18 UTIs e todos os centros cirúrgicos”, afirmou Furlan em entrevista após a diplomação dele como prefeito eleito de Barueri, na sexta-feira, 9. “Soube que temos mais de 1.500 cirurgias na espera e temos capacidade de fazer 50 cirurgias em um período de 24 horas. Se nós temos a capacidade de fazer 50 cirurgias [por dia], tem capacidade de fazer 1.500 em 30 dias, trabalhando sábado e domingo”.

publicidade

De acordo com o prefeito eleito, “quem está na fila para fazer cirurgia, vai ser chamado para fazer cirurgia”, afirmou. “Nós vamos colocar a capacidade total da cidade para atender cirurgia, diminuir ou acabar com a fila”.

“O que puder fazer aqui, vamos fazer. O que tiver que mandar para outro lugar, vamos pedir ajuda”, completou Furlan, que foi eleito em outubro com 84,73% dos votos válidos, para administrar Barueri pela quinta vez.

publicidade

Radioterapia e quimioterapia ao lado do Hospital Municipal

Segundo o prefeito eleito de Barueri, Rubens Furlan (PSDB), a rede municipal de Saúde de Barueri deve passar a oferecer tratamentos de quimioterapia e radioterapia a pacientes com câncer, em um prédio vizinho ao Hospital Municipal.

“Nós vamos equipar esse prédio e adequar ele para fazer radioterapia e quimioterapia”, assegurou.

Hoje, pacientes com câncer do município atendidos pelo sistema público precisam ir à outras cidades, como São Paulo. “Saem de lá com náuseas, se sentindo mal e [com a distância] sofrem muito mais do que era previsto para isso”. Ainda não foi divulgado o prazo para o início do atendimento ou a capacidade de atendimento.

“Temos que reduzir despesas”

Rubens Furlan promete reduzir despesas do município em sua próxima gestão como prefeito de Barueri, que começa dia 1º de janeiro. Essa medida passaria por uma redução no quadro de funcionários e nas contratações de serviços terceirizados. “Nós sabemos que temos que diminuir o custo da cidade, reduzir despesas. A máquina está pesada, muito pesada”.

Comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui