Geraldo Alckmin deixa o PSDB após 33 anos: “tempo de mudança”

0
geraldo alckmin
Foto: Eduardo Saraiva/PSDB

O ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin confirmou, na tarde desta quarta-feira (15), sua desfiliação do PSDB. “É um novo tempo! É tempo de mudança”, declarou o político, que ajudou a fundar a legenda.

publicidade

Na mensagem publicada no Twitter, Alckmin relembrou sua trajetória de 33 anos no partido. “Jamais esqueci a lição do meu pai. Respeito às pessoas, lealdade aos princípios e firmeza de caráter. Só com esses valores é possível construir uma vida pública decente”, disse.

“Quero agradecer aos meus companheiros de jornada. Vocês foram muito importantes nessa travessia. Valeu cada obstáculo vencido, cada momento vivido, cada conquista feita. Em breve, anunciarei meus próximos passos”, completou Alckmin.

publicidade

O ex-governador não disse em qual partido deve filiar-se, mas estaria em conversa com o PSB. Ele liderou as últimas pesquisas ao governo de São Paulo, mas ainda não definiu se concorrerá ao cargo.

Há ainda rumores da formação de uma possível chapa para as eleições de 2022 com Luiz Inácio Lula da Silva (PT), na qual Lula seria candidato à presidência e teria Alckmin como vice. Apesar das especulações, ainda não há confirmação.

publicidade

NO BONANÇA// Inauguração da Cozinha Solidária em Osasco recebe Moção de Aplauso na Câmara

Comentários