Início Cidades Carapicuíba Governo libera obras de novo viaduto em Carapicuíba e construção de moradias

Governo libera obras de novo viaduto em Carapicuíba e construção de moradias

0
governo libera obras carapicuíba
Anúncio foi feito pelo governador Rodrigo Garcia durante entrega de Centro educacional, em Carapicuíba, neste domingo (26) / Foto: Governo de SP

Neste domingo (26), o governo de São Paulo autorizou o início das obras de construção do viaduto na região central de Carapicuíba. Na ocasião, foi liberada também a construção de 550 unidades habitacionais para a população de baixa renda, incluindo as famílias afetadas com a reintegração de posse ocorrida recentemente na Vila Municipal.

publicidade

O viaduto fará parte do Corredor Metropolitano Itapevi-São Paulo, e que ligará o Terminal de Carapicuíba ao Terminal Luiz Bortolosso (km 21) em um percurso de 2,2 km, seguindo pelas avenidas Governador Mario Covas, Desembargador Dr. Luís Eduardo Cunha de Abreu e Autonomistas.

O investimento previsto nas obras do viaduto é de R$ 66,9 milhões, com previsão de conclusão dos serviços no final de 2023, de acordo com o governo. Após a conclusão das obras, o trecho terá em circulação 30 linhas intermunicipais operadas pelo Consórcio Anhanguera e 16 linhas municipais de Carapicuíba.

publicidade

Habitação

Pelo Programa Nossa Casa-CDHU, foi autorizada, em terreno doado pela Prefeitura de Carapicuíba, a construção de 354 apartamentos destinados ao reassentamento de famílias removidas da área na qual será construído o viaduto.

Segundo o governo, serão investidos R$ 54,2 milhões na obra e, até o empreendimento ser concluído, as famílias continuarão recebendo auxílio mensal no valor de R$ 400.

publicidade

Também foi autorizado o aporte complementar de R$ 12,9 milhões para viabilizar a retomada e conclusão do empreendimento Carapicuíba I (Pequiá), composto por 196 apartamentos. Os recursos serão repassados pela CDHU para a Prefeitura, responsável pela execução das obras, que disponibilizará R$ 4,4 milhões como contrapartida para a finalização do empreendimento.

Na ocasião, foi ainda realizado convênio entre a CDHU e a Prefeitura para atendimento habitacional definitivo, por meio de carta de crédito, de 150 famílias que residem em área de risco às margens do Córrego Cadaval. Serão liberados R$ 27 milhões para as famílias adquirirem as novas moradias, com apoio da área social da CDHU.

Carapicuíba também receberá o Programa Viver Melhor, destinado à recuperação interna e externa de domicílios precários. Foram liberados R$ 2 milhões para a reforma de 121 moradias situadas no núcleo habitacional Cadaval.

Comentários