Gráficos podem entrar em greve

0
O presidente do Sindigráficos, Joaquim de Oliveira

O presidente do Sindigráficos, Joaquim de Oliveira
O presidente do Sindigráficos, Joaquim de Oliveira

publicidade

Auris Sousa

Os gráficos de Barueri, Osasco e região podem entrar em greve por tempo indeterminado a partir de terça-feira, 12, caso o grupo patronal não apresente nova proposta que atenda às reivindicações da categoria, cuja data-base é 1º de novembro. Os trabalhadores reivindicam 6% de reajuste, mais a inflação.

publicidade

Segundo o presidente do Sindicato dos Trabalhadores da Indústria Gráfica de Barueri, Osasco e Região (Sindigráficos), Joaquim de Oliveira, até o momento foram realizadas duas rodadas de negociações sobre a pauta de reivindicações da campanha salarial. No entanto, as discussões não avançaram. “O grupo patronal apresentou uma contraproposta de mudança da data-base da categoria de novembro para maio. Mas não aceitamos, é claro”, afirmou Oliveira.

O presidente explicou que a categoria já está alertada sobre uma possível paralisação e que o grupo patronal já está avisado. “O recado já foi dado. A expectativa é que no dia 12 o grupo patronal tenha bom senso e apresente uma proposta aceitável, caso contrário notificaremos a greve”, enfatizou Oliveira.

publicidade

Pauta
Além do reajuste, a categoria reivindica 40 horas semanais, sem redução dos salários, e 130% de acréscimo em relação à hora trabalhada em descansos semanais remunerados, feriados e dias compensados.

Comentários