Homem sai da cadeia e mata ex-mulher a facadas em Santana de Parnaíba

0
Daniel não aceitava o fim do relacionamento e é acusado de ter assassinado Maria a facadas / Fotos: reprodução/"SBT Notícias"

O jardineiro Daniel J. da Silva, de 44 anos, é acusado de ter matado a facadas a ex-mulher, Maria da Silva, em Santana de Parnaíba, na noite da última sexta-feira (20), em Santana de Parnaíba. Ele está foragido.

publicidade

Os dois tiveram um relacionamento de 18 anos e ele não aceitava o fim.

Daniel estava preso, cumpria pena por homicídio, e da prisão teria feito diversas ameaças a Maria, relatou uma amiga da vítima ao “SBT Notícias: “Ela chegou a falar pra mim que, quando ele fosse solto, iria matá-la, que ele ameaçava, falava que ‘se não sou dele, não vou ser de ninguém’”, relatou.

publicidade

—–
LEIA TAMBÉM:
POLÍCIA// Jovem teria sido estuprada e esfaqueada pelo namorado da mãe em Osasco
VISÃO TE CONTA// Lulu Santos assume romance com homem 39 anos mais novo
CIDADES// “Shopping trem”: queixas sobre ambulantes na CPTM aumentam 336%
—–

Na sexta-feira (20) por volta das 19h o acusado, que havia sido solto cumpriu com as ameaças, foi atrás da ex e a matou a facadas, na casa dela.

publicidade

“Ela sempre me falava: ‘eu acho que vou morrer logo, porque esse homem vai me matar’. Eu sei que ele não queria a felicidade dela”, contou a amiga de Maria.

O caso foi registrado como homicídio qualificado e feminicídio.

Comentários