Homicídios mais que dobram em Osasco

0

Violência também persiste em Carapicuíba, onde houve protesto / Foto: Marlene Bergamo/Folhapress
Violência também persiste em Carapicuíba, onde houve protesto / Foto: Marlene Bergamo/Folhapress

publicidade

O número de homicídios dolosos (onde o autor tem a intenção de matar) cresceu 107,1% em Osasco no primeiro trimestre deste ano, com relação ao mesmo período do ano passado. Os dados foram divulgados pela Secretaria de Estado da Segurança Pública nesta quinta-feira, 25.

Média é de 11 veículos roubados ou furtados por dia

Entre janeiro e março deste ano foram registrados 29 assassinatos, ante 14 nos mesmos meses do ano passado. As tentativas de homicídio também cresceram no primeiro trimestre: 86,6%.
Os dados também apontam em Osasco uma média de mais de três roubos de veículos por dia nos primeiros 90 dias do ano, com 287 ocorrências. Também foram registrados, em média, quase oito furtos de veículos por dia, com 702 casos. No total, a média é de quase 11 veículos roubados ou furtados diariamente na cidade.

publicidade

Com relação ao mesmo período do ano passado, os furtos de veículos aumentaram 9,5%. Já os roubos caíram 12,2%.
Os furtos em geral também tiveram alta acentuada, de 30,7%. Por outro lado, os roubos em geral caíram 19,7%. As ocorrências por tráfico de drogas aumentaram 38,8%.

Operações policiais
A Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP) passou a divulgar os dados de operações policiais. De acordo com os dados, no primeiro trimestre a polícia efetuou 581 prisões, recuperou 419 veículos e apreendeu 48 armas de fogo. Procurada, a assessoria da Secretaria não designou responsável por comentar os dados até o fechamento desta edição.

publicidade

tabelaNa região, alta de 23,3%

Somadas as 12 cidades da região, o aumento no número de vítimas de homicídios dolosos foi de 23,3% no primeiro trimestre deste ano com relação ao mesmo período do ano passado, de acordo com dados divulgados pela Secretaria de Estado da Segurança Pública na quinta, 25.
A cidade com a maior variação foi Itapevi, com alta de 366,6%. Já Barueri teve queda de 40% no número de vítimas de assassinatos. Veja na tabela os dados de todas as cidades da região.

PMS são presos por ataques

Esta semana dois policiais militares foram presos por suspeita de participarem dos ataques ocorridos em Osasco e Carapicuíba na noite do dia 17.
Na ocasião, quatro pessoas morreram e sete ficaram feridas após serem baleadas por homens que estavam em um carro de cor prata, em um intervalo de cerca de 30 minutos.
Com os suspeitos, foram encontradas toucas ninjas e munições que teriam sido usadas na noite dos ataques.
As mortes geraram protestos de moradores das duas cidades, com um ônibus incendiado no Jardim Padroeira e um na avenida Júpiter, no Jardim Novo Horizonte, em Carapicuíba.

Comentários