Instituto MAS prepara pesquisa sobre 100 Dias de Governo de prefeitos da região

0
Marcos Agostinho Silva diretor do Instituto MAS
Marcos Agostinho Silva, cientista político e diretor do Instituto MAS/ Foto: Henrique Vilela/Bará Filmes

No dia 10 de abril, os prefeitos eleitos nas eleições municipais de 2020, que assumiram seus mandados em 1° de janeiro, completam 100 dias de governo. Para marcar a data, o Instituto MAS Pesquisa prepara uma coleta de dados com o intuito de diagnosticar a percepção dos munícipes sobre o desempenho dos prefeitos da região Oeste da Grande São Paulo.

publicidade

O anúncio foi feito pelo cientista político Marcos Agostinho Silva, diretor do MAS Pesquisa, durante conferência interna em que foi definida a logística e as cidades que serão pesquisadas, por meio da plataforma de tracking (pesquisa por fone). “Sobretudo em meio à nova onda de covid 19, é necessário investimentos em novas tecnologias para obter de pesquisas de opinião necessárias ao planejamento da gestão e políticas públicas municipais”.

Marcos Agostinho destacou ainda que a coordenação do levantamento de dados de campo da pesquisa e tabulação de dados será de responsabilidade da MAS Inteligência, o “braço” tecnológico do Instituto MAS, que é focado em geoprocessamento e inovação.

publicidade

“Nossa pesquisa de 100 Dias de Governo já é tradicional em algumas regiões. Na região Metropolitana Oeste de São Paulo, por exemplo, ela integra a Pesquisa Regional de Mercado (PRM), que aborda outros assuntos, dentre os quais a percepção sobre os rumos da economia e os cenários pré-eleitorais para as eleições de 2022” finaliza o diretor.

Sobre o Instituto

publicidade

Instituto Mas Pesquisa é focado em pesquisas de mercado para empresas e agências de publicidade, pesquisas de cenário político e análises de cenário político para a imprensa e instituições públicas e privadas. As duas regiões que estão no topo da lista de atendimento do a organização são a Grande São Paulo e a região Macro de Sorocaba, no interior paulista.

AÇÕES JUDICIAIS// 2 anos após falência, trabalhadores da RR Donnelley ainda não receberam verbas rescisórias

Comentários