Isabela Pretisin – Dia do Trabalhador: vamos falar sobre a ...

Isabela Pretisin – Dia do Trabalhador: vamos falar sobre a empregabilidade e pessoas com deficiência?

0
Compartilhar

4-Pestalozzi-Isabela Pretisin
Isabela Pretisin é consultora de Emprego Apoiado da Associação Pestalozzi de Osasco

Imagine que você é uma pessoa com deficiência intelectual que nunca havia entrado em uma empresa e está em seu primeiro dia de trabalho. Você não sabe ver a hora, mas percebe que é o momento de almoçar, pois os demais colaboradores seguem para o refeitório. Enquanto caminha, observa que algumas pessoas estão te olhando e dizendo que a empresa não é lugar para pessoas como você. Como tem dificuldade em perceber quanto tempo se passou, retorna para seu posto de trabalho atrasado, pois nenhum colaborador o auxiliou em seu primeiro dia. Conseguiu se imaginar?

A Lei de Cotas, Lei 8.213/91, determina que toda empresa com 100 ou mais funcionários é obrigada a contratar pessoas com deficiência e/ou reabilitados, e seu não cumprimento pode acarretar em multa. A criação da lei foi um avanço para as pessoas com deficiência, sendo um meio legal para facilitar o acesso ao trabalho. Mas, do meu ponto de vista, a lei não garante a inclusão efetiva destas pessoas nas empresas.

Publicidade

Os desafios ultrapassam a questão legal. É preciso pensar em apoios para minimizar as barreiras de comunicação e atitudinais enfrentadas por este público no ambiente corporativo. É necessário que as empresas valorizem as potencialidades da pessoa com deficiência e não suas limitações. Se conseguirmos romper com a falta de informação, o preconceito e as barreiras que dificultam nossa convivência com pessoas com deficiência, consequentemente teremos um ambiente de trabalho mais inclusivo.

SERVIÇO:
Associação Pestalozzi Osasco: rua Dionísio Bizarro, 415, Jd. Ester / Tel.: 3682 2158 / [email protected]

Compartilhar

Comentários