José Pereira da Silva Neto: 1° de Maio e a intensificação das lutas do trabalhador

0
O presidente do Secor, José Pereira Neto
José Pereira Neto - presidente do Sindicato dos Comerciários de Osasco e Região (Secor)

Mundialmente conhecido como o Dia do Trabalhador, o 1° de maio, todos os anos, nos remete à dura trajetória de lutas da classe trabalhadora que trouxe, como fruto, a conquista de direitos e garantias.

publicidade

Embora a data seja festiva, neste ano, não temos muitos motivos para comemorar, mas tantos outros para continuar lutando! Hoje, infelizmente, após duros golpes na democracia, ainda estamos sofrendo as consequências de um governo elitista. Terceirização, desemprego, rotatividade e as reformas da Previdência e Trabalhista trazem à tona uma realidade que mais parece um pesadelo para os trabalhadores.

Ao lado de seus sindicatos, centrais sindicais, federações e movimentos populares e sociais, os trabalhadores repetem a história e estão aderindo à luta pela manutenção de seus direitos previdenciários, trabalhistas e sociais! As medidas propostas pelo governo são sinônimo de precarização das relações trabalhistas, desvalorização do trabalhador, aumento do desemprego e perdas irreparáveis de direitos e benefícios conquistados bravamente!

publicidade

Por isso, temos que resistir a esses ataques, afinal, ameaças de um governo ilegítimo não nos intimidarão! Com a mesma disposição, determinação e coragem que a classe trabalhadora conquistou, e muito, há alguns anos, vamos parar o Brasil no dia 28 de abril!
Contamos com você, trabalhador, nesta luta!

José Pereira da Silva Neto é presidente do Sindicato dos Comerciários de Osasco e Região (SECOR)

publicidade

Comentários