Justiça determina fechamento do comércio não essencial em Cotia até domingo (3)

0
Rogério Franco Cotia
“Lutamos para que a economia local não fosse prejudicada, mas o Judiciário determinou que a Prefeitura seguisse o Plano São Paulo”, declarou o prefeito Rogério Franco / Foto: reprodução

Por determinação judicial, Cotia deverá acatar a decisão do governador João Doria (PSDB) que proíbe o funcionamento do comércio não essencial nos dias 1, 2 e 3 de janeiro.

publicidade

“Lutamos para que a economia local não fosse prejudicada, mas o Judiciário determinou que a Prefeitura seguisse o Plano São Paulo. Até domingo (3), somente serviços essenciais poderão funcionar”, declarou o prefeito Rogério Franco (PSD), nas redes sociais.

Na semana passada, Rogério Franco havia anunciado que o município não seguiria a determinação do governo estadual, que proibiu o atendimento presencial nos dias 25, 26 e 27 de dezembro e 1, 2 e 3 de janeiro em shoppings, lojas, concessionárias, escritórios, bares, restaurantes, academias e salões de beleza.

publicidade

Nesse período, estão liberados para funcionar farmácias, mercados, padarias, postos de combustíveis, lavanderias e serviços de hotelarias. Nos demais dias, todo o estado retorna à fase amarela, com menor restrição.

publicidade

Comentários