Lapas abre ano legislativo com afagos à oposição

0

Prefeito discursou na Câmara na primeira sessão ordinária do ano / Foto: Eduardo Metroviche
Prefeito discursou na Câmara na primeira sessão ordinária do ano / Foto: Eduardo Metroviche

publicidade

Leandro Conceição

Em discurso na primeira sessão do ano na Câmara de Osasco, o prefeito Jorge Lapas (PT) declarou que seu gabinete está “aberto a todos os vereadores”. Lapas ressaltou que pretende buscar o diálogo inclusive com os quatro vereadores da oposição, todos do PSDB. “Não sou um prefeito de partidos. A oposição tem o direito de cobrar”, afirmou.

publicidade

“Não sou um prefeito de partidos”

O vereador Aluisio Pinheiro (PT) foi escolhido líder do prefeito na Câmara e discursou no mesmo tom: “Quero aprofundar o diálogo, a busca de entendimento, não apenas com a base aliada, mas também com a oposição”.
O tucano André Sacco elogiou a escolha de Aluisio como líder do prefeito e afirmou que “o PSDB sempre votou em projetos importantes para esta cidade, independentemente de bandeiras”.

publicidade

IPTU
Depois, André Sacco voltou a disparar contra o aumento de cerca de 28% do IPTU após uma revisão feita pela Prefeitura no valor venal dos imóveis. “Inúmeras são as reclamações dos cidadãos com aumentos abusivos”.
Mais tarde, em entrevista coletiva em seu gabinete, Lapas respondeu: “Os imóveis foram valorizando, de dois, três anos, para cá, o valor [dos imóveis na cidade] quase dobrou. Duvido que haja imóvel com o valor venal maior que um terço do valor do imóvel”.

Prefeito destaca ações e projetos

Jorge Lapas também apresentou em seu discurso na Câmara um balanço das ações realizadas pela Prefeitura após o primeiro mês de mandato e dos principais projetos do Executivo.
Entre as ações destacadas estão a abertura de processo seletivo para a contratação de 187 médicos para reduzir as filas de espera para consultas e o início dos diálogos com o governo do estado visando a implantação do Bilhete Integrado no município. “Já pedi audiência com o governador”, disse.

Além disso, o prefeito osasquense disse ter iniciado as conversas com o ministro da Saúde, Alexandre Padilha, para implantação de um centro de oncologia na cidade.
Outras ações destacadas foram o início das negociações com a Via Oeste – concessionária que administra a rodovia Castello Branco – para a abertura de novos acessos a Osasco, e a intensificação da fiscalização contra o despejo irregular de entulho.

Ex-secretário do Ministério da Justiça assume Secretaria de Assuntos Jurídicos

Após participar da primeira sessão do ano na Câmara, na terça, 5, Lapas nomeou, em seu gabinete, os novos comandantes das secretarias de Assuntos Jurídicos, Marcelo Vieira de Campos, de Segurança e Controle Urbano, André Santiago, e da Ouvidoria do município, Luiz Carlos Garcia, o Luiz da Locadora.
Marcelo Vieira de Campos, Especialista em Direito Administrativo e Processual Civil, foi secretário de Reforma do Judiciário do Ministério da Justiça.

O novo secretário também já foi chefe de gabinete do hoje ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli, quando este era subchefe de assuntos jurídicos da Casa Civil da Presidência da República, e procurador-geral do município de Santo André.
O secretário de Segurança e Controle Urbano (Secontru), o advogado André Santiago, era adjunto na pasta e foi confirmado após ocupar o cargo interinamente desde o afastamento de José Amando Motta. Também já foi assessor Jurídico no Instituto de Previdência do Município de Osasco (IPMO).
O ouvidor Luiz da Locadora assume na cota do PCdoB.

Comentários