Lapas diz que não pode atender ocupação Esperança

0
Prefeito concedeu entrevista nesta terça. Foto: Eduardo Metroviche

Manifestantes na Câmara Municipal. Foto: Leandro Conceição
Manifestantes na Câmara Municipal. Foto: Leandro Conceição

publicidade

O prefeito de Osasco, Jorge Lapas (PT), falou agora há pouco ao Visão Oeste sobre a situação das famílias da ocupação Esperança, que foram até a Câmara Municipal hoje e reivindicam moradia.

Lapas foi enfático ao dizer que elas não serão atendidas por programas habitacionais da Prefeitura. “É gente que está vindo  de fora e nosso critério [para atendimento em programas habitacionais] é pessoas que já estavam inscritas, na fila, em área de risco. Já no começo do ano tiramos 300 famílias de baixo das linhas da Eletropaulo no Aliança, pessoas que estavam esperando há dois anos. Pra essas aí (ocupação Esperança) não tem chance porque senão é enxugar gelo”, afirmou.

publicidade

A ocupação Esperança, na Zona Norte de Osasco, começou dia 23 de agosto com 100 famílias e já tem mais de mil agora. Nesta terça-feira, 10, eles lotaram o Plenário do Legislativo e também a rua da Câmara. Os vereadores ouviram reivindicações e assinaram uma moção de apoio ao manifestantes.

publicidade
Comentários