Linhas 9 e 8 da CPTM são as que os passageiros mais...

Linhas 9 e 8 da CPTM são as que os passageiros mais perdem documentos

0
Compartilhar
Foto: Luana Moraes/Visão Oeste

Os documentos pessoais figuram entre os itens que os passageiros mais perdem nos trens da CPTM. Nos primeiros sete meses desse ano, dos 52.425 objetos recebidos na Central, 36.956 eram documentos de passageiros. A Linha 9-Esmeralda foi a campeã com 9.983 documentos esquecidos. A vice-liderança é ocupada pela Linha 8-Diamante com 7.461 documentos.

Na sequência vem as linhas 12-Safira com 6.163 documentos, 11-Coral com 5.169, 10-Turquesa com 3.836, 7-Rubi com 3.669 e a jovem 13-Jade com 675 documentos.

Já as estações onde os passageiros mais perderam documentos, nos primeiros sete meses deste ano, foram: Palmeiras-Barra Funda, Brás, Luz, Guaianases, Osasco, Tatuapé e Santo André.

Publicidade

Na Central de Achados e Perdidos da CPTM, todos os itens passam por uma triagem, onde são separados objetos, valores e documentos que possam indicar alguma forma de contato com o proprietário, seja por telefone, carta ou e-mail. Após isso, eles são cadastrados e guardados.

Os objetos esquecidos no sistema seguem o mesmo ranking dos documentos registrados nas linhas. A diferença está no número, que é bem menor: 15.469 itens.

Publicidade

Após 60 dias, os objetos que não foram retirados por seus donos no Achados e Perdidos da CPTM são encaminhados para o Fundo Social de Solidariedade de São Paulo (FUSSESP). Os documentos pessoais, como RG, são devolvidos aos órgãos expedidores. Já os cartões bancários são destruídos.

Central de Achados e Perdidos da CPTM

A Central de Achados e Perdidos da CPTM fica na Estação Palmeiras-Barra Funda e funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, exceto feriados.

O contato também pode ser feito pelo telefone 0800-055-0121. Assim o passageiro pode ligar e registrar a perda. Se os documentos ou objetos forem encontrados, a CPTM contatará o passageiro.

Leia também:

Mãe vende o próprio filho por R$ 3 mil em Barueri
Juiz é espancado em campeonato de futebol em Jandira
Bebê que morreu com sarampo em Osasco tinha histórico de problema pulmonar
Começa nova fase de pagamento do PIS, para cotistas de até 59 anos
Compartilhar

Comentários