Projeto do novo Paço Municipal, no bairro Bonfim, região de Presidente Altino

Com a obra do novo Paço e Câmara Municipal parada, o prefeito de Osasco, Rogério Lins (PTN), chegou a cogitar, no início da gestão, a possibilidade de dar outra destinação ao edifício, que poderia até vir a ser um novo hospital. Agora, esta semana Lins anunciou para julho a retomada das obras do novo Paço.

Em entrevista ao Visão Oeste, o prefeito explicou sobre a escolha pela continuidade do projeto: “Nosso principal indicador é a população e a população da cidade não quer que construam novos hospitais, ela quer que faça funcionar bem os que já existem”, avaliou.

“Então, a gente construir mais um grande hospital na cidade, a gente não teria recursos para gerenciar com qualidade, é melhor canalizar nossos esforços em fazer funcionar bem o que a gente já tem, o Hospital Central, estamos modernizando as UPAs, que vão ser administradas por OSs, contratando mais médicos, regularizamos boa parte dos medicamentos”, emendou.

Publicidade

Rogério Lins ressaltou que “nosso principal indicador é o nosso povo e eles querem que melhore o que já existe”.

De acordo com ele, após o reinício, as obras do novo Paço devem durar cerca de dois anos.

Comentários

2 COMENTÁRIOS

  1. A minha curiosidade é sobre o concurso da Câmara de Osasco 001 e 002/2016 que segundo edital chamariam até 2018, vemos que falta apenas 06 meses para chamar o restante, caso passe de 2018 e a obra não seja concluída ainda sim chamarão?

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui