“Marina é uma onda eleitoral”, avalia vereador tucano

0
Vereador de Osasco André Sacco, do PSDB, diz acreditar que Aécio volte a subir nas pesquisas / Reprodução/Facebook

Vereador de Osasco André Sacco, do PSDB, diz acreditar que Aécio volte a subir nas pesquisas / Reprodução/Facebook
Vereador de Osasco André Sacco, do PSDB, diz acreditar que Aécio volte a subir nas pesquisas / Reprodução/Facebook

publicidade

Mesmo com Aécio Neves (PSDB) em queda e com menos da metade das intenções de voto nas últimas pesquisas sobre a disputa a Presidência, o vereador osasquense André Sacco (PSDB) diz acreditar que o correligionário vá ao segundo turno. “Houve um recuo, mas tenho convicção que Aécio vai crescer nas próximas semanas”.

Para Sacco, o crescimento de Marina Silva (PSB) ainda é “devido à comoção pela morte do Eduardo Campos”. “A Marina é uma onda eleitoral”, avalia.
Pesquisa Datafolha divulgada esta semana reafirma a disputa à Presidência polarizada entre Dilma Rousseff (PT), que tenta a reeleição, e Marina Silva, empatadas tecnicamente com 35% e 34% das intenções de voto, respectivamente. Aécio, que antes da morte de Campos – dia 13 de agosto, em um acidente aéreo – polarizava a disputa com a petista, hoje teria 14% dos votos.

publicidade

O vereador diz que não vê a declaração do coordenador de campanha de Aécio, Agripino Maia (DEM), de que apoiará Marina no segundo turno como uma jogada de toalha. “É um flerte entre o PSB e o PSDB para que o Aécio, estando no segundo turno, tenha com mais facilidade a vinda do PSB para apoiar”, minimiza André Sacco. “É uma questão de gentileza, não vejo isso como jogar a toalha”.

publicidade
Comentários