Metalúrgicos de Barueri e Cotia fazem mutirão de assembleias nesta terça, 16

0

METALÚRGICOS METRO
Nesta terça-feira, 16, os metalúrgicos da região de Osasco e cotia iniciam uma série de assembleias para pressionar os patrões a negociarem o aumento real e renovarem as cláusulas da Convenção Coletiva.

publicidade

As assembleias começam nas primeiras horas da manhã, em fábricas de Barueri e de Cotia. A classe participa da Campanha Salarial unificada, organizada pela Federação dos Metalúrgicos do Estado de São Paulo, filiada à Força Sindical. A categoria tem data-base em 1º de novembro e não está disposta a aguardar os empresários. A pressão é para que as reivindicações sejam atendidas o quanto antes.

Os mutirões vão ser semanais, enfocando as principais fábricas situadas em cada um dos 12 municípios da base territorial do Sindicato. Manifestações que também se repetem na capital paulista e no interior.

publicidade

A categoria também está disposta a unificar a mobilização com os metalúrgicos ligados à CUT, que não obtiveram propostas razoáveis por parte dos mesmos grupos patronais, embora a data-base deles seja em 1º de setembro.

A pauta contém 150 reivindicações, incluindo: aumento real, redução da jornada para 40 horas semanais, fim das terceirizações, reconhecimento dos delegados sindicais, trabalho decente.

publicidade

A Campanha Salarial reúne 52 sindicatos filiados à Federação dos Metalúrgicos do Estado de São Paulo, que representa cerca de 700 mil trabalhadores.

Comentários