Metalúrgicos fazem assembleia no domingo e podem entrar em greve

0
Mobilização de trabalhadores realizada nesta semana na empresa Budai, em Jandira / Foto: Eduardo Metroviche

Mobilização de trabalhadores realizada nesta semana na empresa Budai, em Jandira / Foto: Eduardo Metroviche
Mobilização de trabalhadores realizada nesta semana na empresa Budai, em Jandira / Foto: Eduardo Metroviche

publicidade

Auris Sousa

Com assembleia marcada para o próximo domingo, 27, os metalúrgicos de Osasco e região podem entrar em greve por aumento real. Isto porque a categoria deu prazo para receber uma proposta dos grupos patronais e já colocá-la em votação. É o que divulgou o Sindicato dos Metalúrgicos de Osasco e Região.

publicidade

A data definida pela categoria é sábado, 26. “Até agora os grupos patronais não fizeram nenhuma proposta. Lutamos por aumento real, valorização do piso salarial e atualização das cláusulas da convenção coletiva. Por isso já mobilizamos centenas de trabalhadores e são essas reivindicações que vamos buscar”, enfatizou o presidente da entidade, Jorge Nazareno.

Para os metalúrgicos da região de Osasco, a assembleia acontecerá a partir das 10h no Metalclube, clube dos metalúrgicos, que fica em Osasco. A data base da categoria é em 1º de novembro.

publicidade

22 mil mobilizados
As últimas semanas foram de mobilização na categoria. Assim como aconteceu em anos anteriores, o Sindicato decidiu intensificar as manifestações e paralisações nas fábricas para pressionar os patrões. O resultado foi: 22 mil trabalhadores prontos para greve.

Na quarta, 23, e quinta-feira, 24, cerca de 3.600 metalúrgicos de Barueri, Carapicuíba, Itapevi e Jandira se organizaram para participar do mutirão de assembleias, organizados pelo Sindicato, e interromperam o trabalho. Foram realizados atos em empresas como: Rayton, Budai, Jaraguá, Açotécnica, Wap Metal, Kofar, Jaz, Unifilter, Vedax e Zoppas.
Campanha Unificada

Os metalúrgicos de Osasco e região participam da Campanha Salarial Unificada, organizada pela Federação dos Metalúrgicos do Estado de São Paulo, que representa cerca de 800 mil trabalhadores em todo o estado.

Comentários

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorHoróscopo
Próximo artigoGráficos iniciam negociações