Morre Richard Czukewitz, um mestre na arte da forjaria

0
Artista veio para cidade de Embu das Artes para ensinar a arte de trabalhar com ferro / Foto: Divulgação

Artista veio para cidade de Embu das Artes para ensinar a arte de trabalhar com ferro / Foto: Divulgação
Artista veio para cidade de Embu das Artes para ensinar a arte de trabalhar com ferro / Foto: Divulgação

publicidade

Morreu no sábado, 15, aos 60 anos, o ferreiro artístico Richard Czukewitz, vítima de um infarto fulminante. Alemão radicado no Brasil, em Embu das Artes há mais de 30 anos, chegou à cidade em 1978 a convite da igreja católica para realizar trabalhos de artes plásticas e ministrar cursos de forjaria.

Na cidade de Embu das Artes constituiu uma família e se dedicou a forjaria. Tinha um ateliê no Jardim Pinheirinho, onde recebia crianças e adultos para mostrar como se executa o ofício de ferreiro artístico, além de ensinar a arte de trabalhar com o ferro.

publicidade

A Viela das Lavadeiras, peças do Convento Maria Imaculada e uma grade de 22 metros de comprimento, com folhas de uva banhadas a ouro, localizada na Basílica, na cidade de Aparecida do Norte são os principais trabalhos produzidos pelo artista. Richard também produziu peças de cenografia para diferentes produções televisivas.

De 1998 até 2009, Richard representou a cidade de Embu das Artes no festival “Revelando SP”. Nos últimos anos, o artista vinha enfrentando uma série de conturbações pessoais.

publicidade

Richard Czukewitz deixa saudades em todos o que conheceram. Ele foi enterrado no “jazigo dos artistas”, no Cemitério do Rosário.

A missa de sétimo dia foi celebrada na segunda-feira, 24, na Paróquia Nossa Senhora do Rosário.

Comentários