Início Cidades Mulher é morta pelo marido com 17 facadas, em Santana de Parnaíba

Mulher é morta pelo marido com 17 facadas, em Santana de Parnaíba

0
marido mata mulher santana de parnaíba (1)
Carla foi morta na noite de terça-feira /Foto: Reprodução/ SBT

Um caso de feminicídio que aconteceu na noite de quarta-feira (19) gerou revolta em Santana de Parnaíba. Carla de Oliveira Vieira, de 29 anos, foi morta pelo marido, o empresário Dadie Barbosa Alves, 39, com pelo menos 17 facadas.

publicidade

O crime aconteceu dentro do elevador do prédio onde Carla morava com o marido e a filha do casal, de 4 anos. O empresário estava com a faca utilizada no crime em mãos quando foi preso em flagrante.

Câmeras de monitoramento do prédio registraram quando o homem acusado de matar Carla aparece segurando a faca. O irmão da vítima, que mora no mesmo edifício, tentou evitar o ataque e acabou sendo ferido.

publicidade

Carla foi atingida com 17 facadas na região do peito e nas costas. Ela foi levada à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Fazendinha, em Santana de Parnaíba, precisou ser transferida a um hospital da região devido à gravidade dos ferimentos, mas não resistiu e morreu.

“Fui traído, por isso matei”, teria dito o empresário

Os guardas municipais que efetuaram a prisão de Dadie disseram em depoimento à polícia que ele confessou o feminicídio no momento em que era algemado, segundo informações do “Metrópoles”. “Matei ela. Fui traído, por isso matei”, teria dito o empresário à GCM.

Dadie foi levado à Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) de Barueri, onde o caso foi registrado como violência doméstica e feminicídio. A defesa do empresário não foi encontrada. O espaço segue aberto.

publicidade