Mulher tenta entrar no CDP de Osasco com droga escondida na calcinha

0

No domingo (2) de visitas do Centro de Detenção Provisória (CDP) II, de Osasco, unidade administrada pela Coordenadoria das Unidades Prisionais da Região Metropolitana de São Paulo, uma visitante que veria o companheiro tentou entrar com dois invólucros de maconha escondidos em sua calcinha.

publicidade

O material foi constatado pelos agentes de segurança da unidade após a mulher passar pelo aparelho de revista scanner corporal.

Durante a revista, as imagens do scanner registraram anormalidade na região da cintura da visitante que, ao ser indagada, disse que se tratava apenas do elástico da calça que estava dobrado.

publicidade

Para revista da calça, a visitante trocou de roupa e foi encontrado o entorpecente alocado em sua peça íntima, segundo a Secretaria da Administração Penitenciária (SAP).


Nos dois invólucros de substância esverdeada, semelhante à maconha, estavam aproximadamente 157g do material ilícito, que foi recolhido para apuração.

publicidade

A companheira foi encaminhada ao 5° Distrito Policial de Osasco para elaboração de Boletim de Ocorrência.

Visitas flagradas tentando adentrar com objetos ilícitos em unidades prisionais são automaticamente suspensas do rol de visita.

Itapecerica da Serra  

Também no domingo (2), duas visitantes foram flagradas carregando entorpecentes presos às pernas para entrarem no Centro de Detenção Provisória (CDP), de Itapecerica da Serra.


De acordo com a Secretaria da Administração Penitenciária (SAP), elas levavam ilícito característico à maconha e, no total, foi apreendido 398g do material.

Os casos foram levados ao Distrito Policial de Itapecerica da Serra para registro de Boletim de Ocorrência e demais providências.

Comentários