Início Polícia Mulheres agridem adolescente até a morte por caso com homem casado

Mulheres agridem adolescente até a morte por caso com homem casado

1
Maria Gabriela Tome, que foi espancada até a morte, no dia 8

A estudante Maria Gabriela Tome, de 17 anos, foi agredida até a morte por um grupo de cinco mulheres em um posto de gasolina na região de Pirituba, bairro que faz divisa com Osasco, na madrugada da última sexta-feira, 8.

publicidade

O motivo da agressão seria um caso da jovem com o marido de uma das agressoras, que teria morrido há meses vítima de overdose, segundo testemunhas contaram à polícia.

Segundo a Secretaria da Segurança Pública (SSP), a adolescente foi abordada por por volta das 3h no posto, que fica na Rua Coronel José Rufino Freire. Após a agressão, o grupo fugiu. Maria foi encaminhada ao pronto-socorro Pirituba, onde morreu.

publicidade

A polícia informou identificou duas das cinco agressoras, que são procuradas. O caso foi registrado no 33º Distrito Policial, em Pirituba.

publicidade

Comentários

1 COMENTÁRIO

  1. Vi a reportagem na TV, todas com cara de mau elemento, gente que gosta do que é errado, desde a vagabundinha até a assassina.
    Por mim, menos três lixos na sociedade. A vagabundinha que vai dar pro capeta, a assassina que vai apanhar na prisão e o veio que vai trair no inferno!

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorIPEM-SP realiza plantão de taxímetro em Osasco
Próximo artigoPoliciais prendem ladrão de carros com chave micha no Jaguaribe, em Osasco