“Não ficaremos desfalcados”, diz Rogério Lins sobre a saída de 33 médicos cubanos

3
O prefeito Rogério Lins durante entrega de reforma do pronto socorro "André Sacco" / Foto: Serginho Gobatti

Durante reunião com representantes de associações de bairro nesta segunda-feira (26), o prefeito de Osasco, Rogério Lins (Podemos), afirmou que a cidade vai fazer um remanejamento de profissionais para suprir a saída de 33 médicos cubanos da rede municipal da Saúde após o governo de Cuba encerrar a parceria com o Brasil no Mais Médicos. “Não ficaremos desfalcados”, afirmou.

publicidade

O prefeito fez um resumo de ações na área da Saúde: “Outra preocupação que tínhamos era a pediatria. Contratamos e já contamos com profissionais 24 horas no Pronto-Socorro do Rochdale, Jardim D’Abril, UPA Conceição e Vila Menck”, afirmou Rogério Lins.

“Também enviamos um pedido de autorização para a Câmara Municipal para a construção de Hospital Infantil. No ano que vem vamos reativar o Pronto-Socorro do Novo Osasco, que juntamente com o da Cidade da Flores e São Pedro vai funcionar 24 horas. No Jardim Munhoz Júnior também queremos criar um Pronto Atendimento 24 horas, além do Hospital Veterinário para atendimento primário, de alta complexidade, e procedimento cirúrgico”, destacou o prefeito de Osasco.

publicidade

Comentários

publicidade

3 COMENTÁRIOS

  1. Hoje fui marcar uma consulta no posto do Rochdalle e a moça da recepção falou q nao tava marcando. Até a secretária de saude se Posicionar sobre médicos. e nao é por conta do novo governo e do mais médicos nao. Ja a ums 4 meses so se marcava consulta lá uma vez por mês. Sem falar q praticamente nao tem Policiamento na Cidade. Cidade jogada as traças. A logo deste prefeito que Roubou a Câmara junto dos 14 vereadores em 16 na política pra prefeito. Era “Renova Osasco” nao renovou porra nenhuma! Vc nao ver uma Oba Cidade. Barueri q e menor é muitooo mais desenvolvido. Prefeito lixo este! Aff

    Espero q Bolsonaro ajude os municípios tbm se nao ja era!

  2. Não vamos ficar desfalcados?
    A UBS do Santa Maria já está desfalcada faz é tempo.
    Não temos médicos, não por causa dos médicos cubanos, mas,
    Sim por falta de pagamento dos profissinais. Seria bom se o prefeito fizesse uma visitinha a UBS.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorNetinho de Paula se apresenta em Osasco
Próximo artigoFundo de Quintal faz show gratuito em Barueri