Nesta quarta, vôlei de Osasco recebe o Pinheiros no encerramento do 1º turno da Superliga

0
A central Bia / Foto: João Pires/Fotojump

Osasco São Cristóvão Saúde encerra sua participação na Superliga em 2020 nesta quarta-feira (23), dentro de casa. A equipe do técnico Luizomar recebe o Pinheiros a partir das 19h, no ginásio José Liberatti, no encerramento do primeiro turno da competição nacional. O SportTV 2 transmite a partida.

publicidade

Vice-líder da Superliga, Osasco vai em busca da décima vitória para se manter na briga pela ponta da tabela. Com 27 pontos ganhos, está empatado com o Itambé Minas, que leva vantagem no set average, o critério de desempate. Já o Pinheiros, adversário desta quarta-feira ocupa a sétima colocação, com três resultados positivos e sete negativos.

As duas equipes se enfrentaram uma vez em 2020. Pela segunda rodada do Campeonato Paulista, o Osasco São Cristóvão Saúde bateu o Pinheiros pelo placar de 3 sets a 2, parciais de 25/16, 25/23, 21/25, 19/25 e 15/13, em uma partida de quase duas horas no dia 26 de setembro, no ginásio Henrique Villaboim, em São Paulo.

publicidade

“Sabemos que não tem jogo fácil na Superliga e, com certeza, não vai ser diferente contra o Pinheiros. Treinamos e estudamos o time delas para entrar em quadra preparadas técnica e taticamente para encerrar o ano com vitória”, afirmou a central Bia.

O trabalho técnico e tático de Osasco se reflete nos números tanto da equipe vice-líder como no desempenho individual. Mayany segue como a melhor no bloqueio, liderando o fundamento – 1.25 de média por set e 45 pontos no total.

publicidade

Ele não está sozinha na lista de osasquenses que ocupam a ponta da tabela das estatísticas da Superliga. Camila Brait é a mais eficiente na recepção, com 78% de aproveitamento no passe.

Entre as top 5 com melhores desempenhos individuais, Bia aparece no top 5 no bloqueio. A central está em quinto lugar na média de pontos – 0.93 por set e 26 no total. Tandara, que não joga nesta quarta em função de estar se recuperando de Covid-19, está na quarta colocação na relação das maiores pontuadoras, com 4,36 acertos por parcial. No saque, Roberta é a quarta sacadora mais ‘mortal’, com 10 pontos diretos no serviço.

Após a partida desta quarta-feira, Osasco São Cristóvão Saúde só volta à quadra em 2021. O time de Jaque, Camila Brait, Tandara e cia. abre o segundo turno da Superliga 20/21 dia 8 de Janeiro, no ginásio José Liberatti, contra o Curitiba.

OSASCO NA SUPERLIGA 2020/21

PRIMEIRO TURNO

9/11 – Curitiba Vôlei 1 X 3 OSASCO SÃO CRISTOVÃO SAÚDE – Curitiba/PR

13/11 – OSASCO SÃO CRISTOVÃO SAÚDE 3 X 0 Fluminense – Osasco/SP

17/11 – São Paulo/Barueri 0 X 3 OSASCO SÃO CRISTOVÃO SAÚDE – Barueri/SP

20/11 – São José dos Pinhais/AIEL 0 X 3 OSASCO SÃO CRISTOVÃO SAÚDE – São José dos Pinhais/PR

24/11 – OSASCO SÃO CRISTOVÃO SAÚDE 3 X 1 Sesi Bauru – Osasco/SP

27/11 – Itambé Minas 0 X 3 OSASCO SÃO CRISTOVÃO SAÚDE – Belo Horizonte/MG

01/12 – OSASCO SÃO CRISTOVÃO SAÚDE 3 X 0 Sesc RJ Flamengo – Osasco/SP

12/12 – OSASCO SÃO CRISTOVÃO SAÚDE 2 X 3 Brasília Vôlei – Osasco/SP

16/12 – Dentil Praia Clube 2 X 3 OSASCO SÃO CRISTOVÃO SAÚDE – Uberlândia/MG

19/12 – São Caetano 0 X 3 OSASCO SÃO CRISTOVÃO SAÚDE – São Caetano do Sul/SP

23/12 – 19h – OSASCO SÃO CRISTOVÃO SAÚDE X Pinheiros – Osasco/SP (SporTV)

Comentários