Início Cidades Barueri Novo retorno no Centro de Carapicuíba facilita acesso para bairros e Barueri

Novo retorno no Centro de Carapicuíba facilita acesso para bairros e Barueri

0

Na quinta-feira, 28, a prefeitura inaugurou o retorno na Av. Deputado Emílio Carlos, na Vila Caldas. O novo acesso beneficia não só os moradores e trabalhadores dos bairros próximos, mas também pessoas de outras cidades como Barueri, Itapevi, Jandira e Osasco que utilizam Carapicuíba como rota de passagem, afirma a administração municipal.

publicidade

O retorno é uma das obras que a prefeitura de Carapicuíba, por meio da secretaria de Transporte e Trânsito, realiza numa área de aproximadamente 5 mil metros quadrados.

No mesmo local também está em construção a futura sede da secretaria que terá dois estacionamentos, um para visitantes e outro para a frota de viaturas da secretaria, acessibilidade total para pessoas com mobilidade reduzida, vestiário e sala de descanso para os agentes de trânsito.

publicidade

O prédio onde a secretaria de Transporte e Trânsito funciona hoje é alugado e com a mudança, a administração pública vai economizar R$ 100 mil por ano com aluguel.

O retorno está localizado na altura do número 600, próximo ao Centro Administrativo da prefeitura e do supermercado Cobal. Quem utiliza a Av. Deputado Emílio Carlos e precisa fazer o retorno ou subir a av. Presidente Vargas, vai aguardar a abertura do semáforo numa pista específica, e não mais na faixa da esquerda. Dessa forma o fluxo de veículos no sentido Centro e para Barueri ficarão mais seguro e organizado. Vale ressaltar que os pontos de ônibus da região permanecem nos mesmos locais.

publicidade

Ainda parte deste novo projeto, será implantado um novo cruzamento na Rua Albino de Moraes com Av. Deputado Emílio Carlos. Será uma nova alternativa para quem segue no sentido Barueri.

A secretaria de Transporte e Trânsito de Carapicuíba estima que 70% dos veículos que trafegam no corredor Av. Deputado Emílio Carlos/Av. Mário Covas/Av. Des. Eduardo Cunha de Abreu sejam de veículos de outras cidades. Ou seja, todas as estratégias da administração pública municipal relacionadas à mobilidade urbana consideram uma frota muito maior do apenas a população local.

Comentários