Operação na rua Minas Gerais será permanente

0

Cones serão substituídos por equipamentos mais adequados, segundo a administração municipal / Foto: Eduardo Metroviche
Cones serão substituídos por equipamentos mais adequados, segundo a administração municipal / Foto: Eduardo Metroviche

publicidade

O fechamento, nos horários de pico, da rua Minas Gerais, no Jardim Rochdale, para veículos vindos da rodovia Castelo Branco, iniciado em caráter experimental há três meses, passará a ser permanente, anunciou esta semana a Prefeitura de Osasco.

Prefeitura diz que mudanças aumentaram fluidez

De acordo com a administração municipal, a medida teve resultados positivos, com melhora na fluidez. A efetivação da medida vai envolver a troca dos cones que hoje fazem esse fechamento por equipamentos mais adequados.
O objetivo da ação é separar os fluxos de veículos que vêm da rodovia Castelo Branco e da zona Norte da cidade para acessar o complexo Fuad Auada e a avenida Maria Campos, evitando a formação de um gargalo em um ponto de grande fluxo.

publicidade

A operação acontece de segunda a sexta-feira, das 6h30 às 9 horas. Os veículos que chegam à cidade pelo acesso à esquerda da Castelo Branco devem seguir adiante pela avenida Presidente Kennedy e acessar, 600 metros à frente da rua Minas Gerais, a praça Presidente Kennedy.
Depois, devem acessar, à direita, novamente a rua João Kaufmann, de onde têm acesso ao Complexo Fuad Auada. As mudanças foram criticadas por motoristas entrevistados pela reportagem em março.

Rua na zona Norte vira depósito de entulho

publicidade

DSC_0483

A rua João Marchetti, no Jardim Rochdale, zona Norte de Osasco, tem se tornado um verdadeiro depósito de entulho. Na via se acumulam restos de obras e móveis despejados irregularmente. A Prefeitura de Osasco diz que tem intensificado a fiscalização ao despejo de entulho, cuja multa prevista ao infrator é de R$ 7 mil ao infrator. Para denunciar, o telefone da Guarda Municipal é 0800-7716511.

Comentários