Opinião – Fim da linha?

0
A bola pune, Muricy / Foto: Rubens Chiri/saopaulofc

Fala, Zé Corneta!

publicidade

 

A bola pune, Muricy / Foto: Rubens Chiri/saopaulofc
A bola pune, Muricy / Foto: Rubens Chiri/saopaulofc

As trapalhadas na escalação e o baile tático de Tite na vitória do Corinthians por 2 a 0 no clássico de estreia da Libertadores, colocam novamente em pauta um tema delicado para muitos são-paulinos: será que não tá na hora de Muricy Ramalho ir cuidar da saúde, curtir a vida?

publicidade

Apesar do ótimo elenco em mãos, Muricy não consegue fazer o time evoluir. E quarta errou de forma bizarra na escalação, com Michel Bastos, o meia em melhor fase do time, na lateral esquerda; com um ataque sem velocidade, com Luis Pipoca e Alan Kardec, que não têm nada a ver juntos.

Mesmo em péssimas apresentações, Muricy não parece ser capaz de fazer algo mudar a realidade do time durante as partidas.

publicidade

A simpatia a Muricy, o histórico vitorioso – apesar de também haver grandes vexames – valem um “cheque em branco”, que garantem o treinador no clube e uma legião de defensores fervorosos independentemente de resultados?

Pelo andar da carruagem, o Tricolor que se cuide… Após proezas como eliminações diante de Bragantino e Penapolense, se o São Paulo continuar desse jeito, Muricy não terá nem chance de confirmar que é o “rei do morre-morre”, pois o Tricolor não passa da primeira fase da Libertadores.

Comentários